Nem Te Conto

Miley Cyrus desabafa: "Ninguém nunca fumou tanta maconha quanto eu"

Atriz contou em programa de TV o motivo de parar de consumir drogas

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)

Miley Cyrus já passou por diversas fases e o mundo acompanhou cada ação da cantora. Atualmente, a artista está buscando um novo caminho pessoal e profissional. A americana ficou famosa após dar vida à Hannah Montana, personagem que dava nome a série da Disney. Pouco tempo depois, ela mudou o visual e a forma de viver, mostrando irreverência e tomando atitudes que chocavam o mundo, essa imagem.


Segundo o 'Catraca Livre', Miley está buscando apresentar uma conversa mais aberta sobre sua vida. Recentemente a também atriz foi entrevistada pelo apresentador Jimmy Fallon, durante o talk-show. Durante a conversa, a loira contou sobre a decisão de deixar as drogas e especificou a maconha.

"Lembra que na última vez eu vim aqui eu estava vestida de coelho, e, então, de gato? Tem um motivo para isso: eu estava chapada", contou sobre as outras vezes que esteve no programa. Ela também acrescenta que quer falar melhor sobre os seus novos trabalhos, incluindo o atual álbum, 'Malibu': "Eu estou realmente muito apaixonada pelo que estou fazendo neste álbum. Falo isso o tempo todo, mas esse álbum, neste momento, é a coisa mais importante que eu já fiz. Quero me assegurar de que estou sendo muito clara na maneira que eu falo".

A cantora comentou também que o fato de usar maconha já foi motivo para diversos pesadelos: "Sonhei que morria durante meu monólogo [no programa] Saturday Night Live, por alguma razão. Eu ficava tão chapada que morria".

"Estava fumando muita maconha. Tipo, ninguém nunca morreu por fumar maconha, mas ninguém nunca fumou tanta maconha quanto eu", explica.

Mesmo contando de uma forma bem humorada, Miley está com os pés no chão sobre sua decisão e tem refletido sobre isso. "Se eu vou sentar neste sofá e contar às pessoas sobre minha nova música, quero soar o mais esperta que eu puder, e realmente explicar o que estou fazendo. Quando estava chapada, eu só ficava sentada em casa comendo, brincando com meus cachorros, com meu gato e meu porco. Passava muito tempo com o porco em vez de aproveitar eu tempo fazendo algo útil", conclui.