Nem Te Conto

Mistério: filha de Bolinha diz que cigarro e isqueiro enterrados com apresentador sumiram

Vitória Cury também está leiloando camisas do apresentador a fim de pagar alugueis atrasados

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em


A filha do apresentador Bolinha revelou um mistério que faz parte do sepultamento do pai dela, que aconteceu em 1998. Em entrevista ao canal de Lisa Gomes, divulgada nesta quarta-feira (30), Vitória Cury contou que enterrou o familiar com um maço de cigarros e isqueiro, mas os itens sumiram após a exumação do corpo.

“Ele fumava 4 maços de cigarro por dia. Quando ele morreu, coloquei no caixão dele um maço de cigarro e um isqueiro e falei ‘vai com teu cigarrinho firme’. Eu acredito muito em vida posteriores. Era o que ele mais gostava e dava prazer pra ele. Depois de três anos eu exumei pra colocar na nossa família em Santos, quando abrir não tinha mais nada, não estavam nem o cigarro e nem o isqueiro, eu pelo menos não achei", detalhou.



Em seguida, a jovem falou que está leiloando as camisas do apresentador para pagar atrasos no aluguel, que giram em torno de R$ 25 mil.

Vale lembrar que Bolinha faleceu aos 61 anos, de insuficiência cardíaca e respiratória. Ele também travava uma batalha contra um câncer no aparelho digestivo.