Nem Te Conto

Musa dos 'Mamonas', Mari Alexandre fala da amizade com a banda: "minha barriga doía de tanto rir"

"Achava que os seios fossem só uma brincadeira com o nome Mamonas", contou a modelo

Redação Correio 24h

Vinte anos após a morte dos integrantes do grupo Mamonas Assassinas, que aconteceu no dia 2 de março de 1996, a modelo Mari Alexandre relembrou o dia em que descobriu ser a musa inspiradora da capa do disco do quinteto."Conheci os meninos durante um show deles em São Paulo. Fui parabenizá-los e Dinho me contou que a capa do CD tinha inspiração na minha ‘Playboy’ de 1992", contou a modelo ao Extra. A imagem em questão é a famosa caricatura dos seios de Mari.




(Foto: Reprodução)


Mari contou ainda que ficou surpresa com a revelação. "Como tantas pessoas, achava que os seios fossem só uma brincadeira com o nome Mamonas. Foi uma honra, fiquei muito lisonjeada de ter sido musa inspiradora", lembrou aos risos.


Seios que ilustram a capa do CD da banda são inspirados na modelo



(Foto: Reprodução)


A modelo então se tornou amiga dos integrantes da banda. Segundo ela, eles saíam para jogar boliche, lanchar e os momentos eram sempre muito divertidos. "Todos sempre foram muito brincalhões e eram muito respeitosos comigo. Minha barriga doía de tanto rir. É triste terem ido tão cedo, com tanta energia", concluiu.

Correio24horas