Nem Te Conto

Naldo se apresenta de graça para 'limpar' sua imagem após polêmicas

Ele tem cobrado um cachê de R$ 3,5 mil em eventos na cidade e até R$ 10 mil fora do Rio. No auge do sucesso, ele faturava R$ 200 mil por show

Agência O Globo

Sete meses após ser preso por agredir a atual mulher, Naldo Benny luta para "limpar" sua imagem com o público. O cantor, que foi condenado em maio a pena de quatro meses de detenção (ele teve o benefício de suspensão condicional) por ter agredido e ameaçado Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, tem pedido uma forcinha a amigos e promoters do Rio para se apresentar de graça com um DJ em eventos onde têm famosos. Como aconteceu no último dia 2, no restaurante Prado.co, na Gávea, após a vitória do Brasil sobre o México.

Foto: Reprodução

Cachê caiu para R$ 3,5 mil

O objetivo do artista é voltar a ter a aceitação dos formadores de opinião. Nas redes sociais, ele e Moranguinho têm postado fotos frequentes com artistas. Naldo também pediu para participar do Arraiá da Mocidade, que aconteceu no último sábado, e tem cobrado um cachê de R$ 3,5 mil em eventos na cidade e até R$ 10 mil fora do Rio. No auge do sucesso, ele faturava R$ 200 mil por show.

Por conta da polêmica, Naldo acabou perdendo alguns trabalhos. Arrependido, ele procurou tratamento e tenta agora dar a volta por cima também na carreira.