Nem Te Conto

Raissa Barbosa recebe ordem de despejo e cita possível extorsão

Aos prantos, a modelo contou que descobriu que o homem com quem locava o "apê" não era o dono do imóvel

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Raíssa Barbosa utilizou suas redes sociais na madrugada deste domingo (27) para fazer um verdadeiro desabafo. A ex-'Fazenda' recebeu uma ordem de despejo dos proprietários do apartamento em que reside em São Paulo e se mostrou desesperada com a situação. 

Nos stories do Instagram, a modelo ainda contou que descobriu que o homem com quem conversava não era o dono do imóvel e os verdadeiros proprietários solicitaram que a ex-peoa deixasse o apartamento imediatamente. 

"Estou passando por uma situação muito difícil que não estou acreditando. Estou tentando ficar bem e calma, não queria expor essa situação, mas chegou a um nível que não tem como eu deixar de falar aqui. Eu moro de aluguel aqui neste apartamento e antes de entrar em um reality, eu conversei com o proprietário que eu ficaria três meses fora, transferiria o dinheiro para a conta dele e eu gostaria de aumentar o tempo de contrato, pois era de apenas quatro meses. Questionei a ele se teria problema, ele falou que estava tudo certo e ele me propôs de fazer contratos mensais, com renovação automática. Eu aceitei. Quando eu saí do programa, eu perguntei se o dinheiro tinha caído certinho, se estava tudo bem e ele me perguntou se eu queria continuar no apartamento. Apenas 30 minutos depois, ele me mandou mensagem dizendo que eu teria de deixar o apartamento e foi aí que eu descobri que ele não era o proprietário", relatou Raissa.

"Eu já falei com meu advogado que me disse que o dono não vai me tirar do apartamento. Eu conversei com a mulher do proprietário, que me ofereceu para que eu ficasse até o dia 10 de janeiro. Estava tudo certo, mas depois ela me ligou disse novamente que eu não poderia ficar no apartamento e precisaria sair. Se isso não acontecer, precisarei pagar R$ 5 mil para ficar, o que é quase o valor completo do imóvel por apenas alguns dias. Um absurdo", explicou.

Aos prantos, Raíssa também pontuou uma possível extorsão: "Não sei se eles me conhecem. Acho que sim e que eles estão querendo me extorquir. Já tinham me falado que era isso. Eu comentei com ela que já tinha falado com um advogado, que iria resolver tudo por meio dele, apesar de querer resolver a situação de forma tranquila. A mulher me respondeu que o marido dela é juiz e que, se eu fosse entrar nessa briga, eu iria perder porque eu tenho de sair do apartamento", chorou Raissa. "É um valor absurdo! Não tem como eu pagar isso ou procurar um outro local para morar nessa altura do campeonato, em meio às festas de Ano Novo".