Nem Te Conto

Sandro Pedroso abriu mão de bens de Susana Vieira em documento

"Eu saí de lá sem nada. Não quis nada dela. E isso mexeu com ela depois, eu acredito", relembra

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em
Sandro Pedroso revelou recentemente que concilia a vida de ator com o trabalho de garçom em um restaurante de São Paulo e surpreendeu a todos. Em entrevista ao programa 'Gugu', na quarta-feira (04), ele contou que quando namorou a atriz Susana Vieira foi acusado de estar com ela por interesse financeiro e, por isso, tomou a decisão de criar um documento abrindo mão de qualquer bem material a que teria direito, já que esteve em uma união estável.

"Ela terminou comigo por telefone. Faltava um tempo para eu voltar e eu não entendi muito bem. Ela disse: 'você está há muito tempo fora, e eu acho que a relação não é assim, vamos terminar!'. Tentei ligar para ela várias vezes, durante um mês mais ou menos, e ela não me atendeu. Quando cheguei em casa, liguei e falei: 'estou aqui na portaria'. Estava com a mala de viagem e falei: 'eu não quero nada, só quero pegar meu carro'. Fiquei na porta do condomínio, o segurança trouxe meu carro e ali eu fiquei", relembrou ele, que "morou" no veículo por cerca de 15 dias.

"Eu saí dali e falei: 'eu vou provar que eu não vivi uma mentira. Eu amei aquela mulher e vou provar para ela'. Fui no cartório, fiz um documento, chamei ela, e abri mão de todos os bens materiais dela. Eu saí de lá sem nada. Não quis nada dela. E isso mexeu com ela depois, eu acredito", relembra ele.