Nem Te Conto

Thyane Dantas fala sobre revisão da pensão: 'é fácil apontar quem é vítima'

Na madrugada desta terça-feira (19), a empresária usou os stories do Instagram para defender o marido das acusações

Redação iBahia (agenda@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Depois da empresária Mileide Mihaile afirmar que o ex-marido Wesley Safadão pediu revisão da pensão do Yhudy, de 7 anos, e ela se sentiu "humilhada", foi a vez de Thyane Dantas falar sobre o assunto. 

Foto:Reprodução

Na madrugada desta terça-feira (19), a também empresária usou os stories do Instagram para defender o marido das acusações. Thyane postou uma imagem que sublinhou trechos religiosos. "A vitória definitiva é nossa em Cristo ao confiarmos em Seu poder", "a saída para os problemas é confiar em Deus o tempo todo" e "...todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé" são frases que aparecem em uma das publicações.


Em outro story, Thyane escreve diretamente sobre a polêmica que envolve a pensão do enteado."Quando vocês vão entender que o que está sendo levantado não é o pagamento da pensão de um filho? Porque isso o meu marido sabe exatamente quais são as obrigações de pai, e espera poder exercer os seus direitos. O que ele pediu na justiça cabe em seu direito e o pedido não diminui nem 1,00 do valor que se recebe. Lamentável como julgam uma situação sem conhecer por direito. É fácil apontar quem é a vítima no meio a tantas apelações, não é mesmo?", desabafou.

Foto: Reprodução/Instagram

'Humilhação'

Em entrevista concedida à Revista Quem, a ex-esposa do cantor afirmou que está sem condições de manter o filho. "Fiquei sabendo do pedido quando fui intimada na quarta-feira (6). Ele sempre pagou 10 salários mínimos (algo em torno de 9 mil), mas pagava por fora a escola do nosso filho, que custa R$ 2.600. Só que há 2 meses, ele desconta a escola do nosso filho mais R$1 mil de gasolina do valor total da pensão pois ele simplesmente decidiu assim. Então o valor que fica para o Yhudy é de R$5.400", questionou.

Foto: Reprodução/Instagram

A digital influencer afirmou ainda à revista que, quando se separou de Safadão, acreditou no que ele falou a respeito do sustento do filho. "Na verdade, eu confiei inteiramente nele e em tudo o que ele me disse, assinei todos os documentos. Eu nunca fui para a Justiça porque eu tinha uma confiança, uma gratidão e um respeito pelo que tínhamos vivido. Fui assinando e confiando. Nunca faltou nada para mim e para o meu filho. Mas de dois meses para cá ele resolveu diminuir a pensão. Quando ele desconta R$3.600, fica R$5.400. Não paga nem meu supermercado! Sei que muitas famílias vivem com um salário mínimo. Mas faço de tudo para manter o padrão a que meu filho está acostumado. Ele vê um mundo diferente na casa do pai", justificou.