Nem Te Conto

Trama de reviravoltas com atriz e cantores choca internet; entenda

Caso envolve atriz Letícia Almeida, que fez parte da série 'Dois Irmãos', na Globo

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Uma história um tanto quanto curiosa chocou a internet nos últimos dias. O caso envolve a atriz Leticia Almeida, que fez parte da novela 'Meu Pedadinho de Chão' e da série 'Dois Irmãos', da Globo, o cantor Saulo Poncio, da dupla UM44K, e o também cantor Jonathan Couto, que foi da banda P9.

Tudo começou quando Letícia, que namorava Saulo, descobriu que estava grávida e contou para o músico, em 2017. Em meio a um namoro entre idas e vidas, o artista afirmou que iria assumir a criança e passou a acompanhar a atriz em consultas, ajudar a montar o enxoval e registrou o bebê logo após o seu nascimento, em fevereiro deste ano.

Saulo, Letícia e Jonathan envolvidos em uma história que rendeu muita polêmica nas redes sociais

Em junho, Saulo revelou nas redes sociais que fez um exame de DNA e descobriu que a criança não era sua filha. No texto (leia na íntegra abaixo), ele disse que, apesar disso, continua considerando o bebê sua filha. Logo em seguida, surgiu a notícia de que o ator Pablo Morais, ex-affair de Anitta, também chegou a fazer o exame de DNA, descobrindo, logo depois, que também não era pai do bebê.

No último fim de semana, Letícia, então, confessou aos seguidores que o pai de sua filha, Maria Madalena, chamada de Madá, é Jonathan Couto. Até aí tudo bem se não fosse o fato que: Jonathan é marido de Sarah, irmã de Saulo. As duas, além de cunhadas eram melhores amigas. Foi Letícia que, por sinal, apresentou Jonathan a Sarah.

Pelo visto, todo o caso não abalou o casamento dos dois, já que Sarah continua postando fotos apaixonadas com Jonathan nas redes sociais, com direito a declarações de amor. A moça já tem um filho com Jonathan e está grávida de novo. 

Confira o post de Saulo na íntegra:

Carta aberta de Saulo a todos os seus fãs.

Olá, pessoal, em respeito a todas as pessoas que me observam, que me seguem e torcem por mim, com quem eu de igual forma venho dividindo minhas alegrias e tristezas, a vocês, venho compartilhar essa carta aberta, a fim de esclarecer um pouco o meu momento atual e que não pairasse dúvidas da pessoa que eu sou.

Como é do conhecimento de todos, já há alguns anos, venho tentando manter uma relação amorosa com uma pessoa querida chamada Leticia Almeida, pessoa essa que sempre admirei, apesar de todos os problemas vividos (ninguém é perfeito), ainda mais eu. Após idas e vindas, em 2017, fui surpreendido com a notícia de que Leticia estava grávida e eu seria o pai. Quando eu soube, rapidamente conversamos, pedi ajuda aos meus pais, e a trouxe para minha casa, comecei a curtir a barriga, fui sonhando e me apegando pouco a pouco, quem é pai sabe como isso muda a gente.

Fiz tudo o que um pai poderia fazer, isso do meu jeito, preparamos todo o enxoval, decoramos um belo quarto com todo amor e carinho que uma pessoa possa ter, passei por vezes a acompanhá-la a consultas médicas etc. Quanto a relação com a Leticia, confesso que há muito, vinha mal, se arrastando por muito tempo. Não seria um filho que mudaria isso de uma hora para outra. Resumindo, quanto a minha filha, essa eu a recebi com todo amor, registrei, dei meu nome e cumpri com toda minha obrigação... surpreendentemente após alguns meses de convívio, a fim de que não ficasse dúvida quanto à paternidade, resolvemos realizar um teste de paternidade, o qual constatou que eu não seria o pai biológico, fiquei louco, perdi a cabeça. Passei mau um bocado, confesso que ainda estou me recuperando, mas a vida precisa seguir, resolvi me desligar de vez desse relacionamento, pois já não estávamos bem há muito tempo, quanto a Maria Madalena essa é minha filha, essa eu não tenho como me desligar, fugir pois fui pego por dentro, nesse caso como eu poderia pegar de volta ou retirar todo o amor de um pai que a entreguei, depositei ali? Impossível. Esse amor, eu não tenho como pegar de volta, bem que tentei, mas uma vez dado, será sempre da pessoa a quem você deu.

É isso, estou acompanhando ela, fazendo tudo o que um pai pode fazer, conversamos muito mas sabem como é. Estamos vendo o melhor para Maria nesse momento... afinal ela não tem culpa dos nossos erros e pecados... não tenham pena de mim, na verdade devo merecer... o que não nos destrói nos fortalece. Vamos juntos. Faço este post, em respeito a verdade que há em mim, e que tem que ser em todos vocês. Obrigado por todo o carinho, preciso muito de todos vocês..

Orem por mim com amor sem rancor sem ódio pois não nos leva a nada. Paz a todos.

Confira o post de Letícia na íntegra:

Hoje é o dia em que eu dou um basta, definitivamente, em toda e qualquer especulação sobre minha vida pessoal e da minha filha. Espero que a partir desse dia eu não receba mais mensagens negativas direcionadas a mim e a minha família.

Chega!

Primeiramente, como mãe, peço que não fiquem perguntando detalhes, certas coisas não precisam ser expostas pois tudo que é escrito se perpetua e não quero que minha filha tenha em sua vida um estigma que ela não merece ter.

Agora, venho publicamente anunciar que (como a maioria já especulava), sim, a Madah é filha do Jonathan Couto. E, como MULHER, peço que qualquer tipo de preconceito e julgamento sejam deixados de lado nesse momento pra que vocês entendam de uma vez por todas que a VERDADE é só uma, e ela não vai mudar.

Para terminar, digo que: apesar de ser uma figura pública, certos detalhes da minha vida prefiro que permaneçam em minha PRIVACIDADE, e espero que entendam e respeitem isso. Não só por mim, mas também por um serzinho que não entende nada que está acontecendo e precisa, mais do que nunca, de uma mãe presente e forte em sua vida.

Aos que sempre me deram suporte e me enviaram mensagens de carinho, meu mais sincero OBRIGADA! Que Deus retorne a vocês todo esse sentimento bom.

Sejam Luz!

Com amor, Letícia e Madah.