Nem Te Conto

Vanessa Giácomo fala sobre personagem alcoólatra e mudanças na vida pessoal

Atriz completa 15 anos de carreira na Globo

Patrícia Kogut, da Agência O Globo
- Atualizada em

Depois de descobrir que foi enganada durante anos por Aranha (Paulo Rocha) e sair de casa, Stella (Vanessa Giácomo) se reaproximará do marido nos próximos capítulos de "O Sétimo Guardião". A atriz acredita que essa reviravolta marcará uma transformação da personagem:

- Não tem como passar por isso e continuar sendo a mesma pessoa. Ela pode até perdoar o marido, mas não vai se esquecer do que aconteceu. O casal se ama e isso é inquestionável. Não sei o que acontecerá daqui para frente, mas acho que existe uma torcida para que o final dela seja feliz. 


O embate entre Stella e a sogra, Mirtes (Elizabeth Savala), também foi um dos destaques da trama da personagem: - Eu e a Elizabeth nos damos muito bem. Tem toda aquela briga em cena, mas, nos bastidores, nos divertimos. E o retorno do público em relação a essa trama é grande. Desde a primeira cena delas, sinto nas ruas que as pessoas gostam do confronto e se reconhecem ali. Elas dizem que gostam de ver a Stela enfrentando a Mirtes e que desejam ter essa coragem. Na minha vida, eu nunca tive uma sogra nem de longe parecida com a Mirtes. Sempre me dei bem com todas elas. Mas tenho amigas que me contam coisas horrorosas. Então, existem muitas Mirtes por aí. 

Outro drama retratado pela personagem foi o alcoolismo. O assunto também gerou repercussão nas redes sociais da atriz: - Recebi diversas mensagens de pessoas agradecendo e relatando suas próprias histórias. Sempre tratei o assunto, que é um tema muito sério, de forma respeitosa. 

Com mais de uma dezena de trabalhos na Globo no currículo, Vanessa completará, em 2019, 15 anos de carreira na emissora. Ela, que começou na televisão em "Cabocla", afirma que "cada trabalho é um recomeço": - Sempre o mesmo frio na barriga e as mesmas preocupações, o que é muito bom. Eu amo o que faço e tenho o maior respeito pela profissão. O que me motiva não é o glamour, não é a fama. Claro que todo ator gosta de ser reconhecido. Mas o que me move é o meu coração, que palpita com a chegada de um novo personagem.

Ela diz que mudou muito com o passar dos anos, o que enxerga como um aspecto positivo. - Gosto de falar que tenho 35 anos. Nunca vou mentir a minha idade. Também é legal envelhecer e não vejo nenhum problema nisso. Respeito o momento em que vivo, nunca querendo ser mais jovem ou mais velha. Eu gosto de ter minhas 'ruguinhas' e as marcas de expressão. Está tudo certo - diz ela, acrescentando que se cuida, mas "sem neurose". - Sempre fui mignon. Tenho uma genética que me ajuda.

Casada desde 2014 com o empresário Giuseppe Dioguardi, Vanessa diz que o marido já se acostumou com a exposição por causa da sua carreira de atriz.  - Ele sempre me acompanha, respeita a minha profissão e confia em mim, o que é o mais importante.