Nem Te Conto

Wesley Safadão afirma que tem sonho de gravar música gospel

Batizado na Igreja Batista, o cantor garante que sua conversão não influencia nas composições e escolhas de suas canções

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O cantor Wesley Safadão está tentando achar uma brecha em sua agenda de shows para realizar um sonho: gravar uma música gospel. De acordo com a Quem, o forrozeiro adiantou que que foi convidado pelo compositor e produtor Dudu Borges a gravar uma canção composta para sua voz.

Foto: Reprodução | Instagram

"É um sonho que não está muito longe. O Dudu Borges está com um projeto de músicas evangélicas e perguntou ao Davi Sacer (cantor gospel) se ele conhecia um cantor que gostasse de música gospel, e ele se lembrou de mim. Daí o Dudu produziu uma música para que eu colocasse voz. Só falta arranjar um tempo para gravar", disse ele, que não pretende gravar um álbum gospel e nem colocar a canção no repertório de seus shows.

"Não que seja impossível, mas acho que show não é lugar de cantar um louvor. Mas quero conseguir levar uma mensagem de Deus por meio das minhas redes sociais para quem me acompanha."

Fã assumido de cantores e bandas evangélicas como Diante do Trono, Aline Barros e Preto no Branco, Safadão conta que escuta a todo momento músicas gospel.

"É uma questão de meditar e agradecer a Deus. A gente vive em um mundo e um momento tão agitado e é a minha maneira de ficar mais tranquilo e com a mente mais aberta para várias situações é ouvindo música gospel", explica ele, que até escuta as músicas antes de tomar decisões importantes.

"Escuto muito louvor principalmente quando acordo. Fico uns 15, 30 minutos agradecendo a Deus e lembrando de tudo que proporcionou. O que eu consegui conquistar com a minha família e equipe é muito mais que eu sonhei. Este é um momento de pedir proteção e sabedoria. Quando a gente está em um momento deste, tão maravilhoso, quanto mais proteção melhor", conta ele, casado com Thyane Dantas, com quem tem Dom e Ysis, e pai ainda de Yhudy, de relacionamento anterior.

Batizado na Igreja Batista da Lagoinha de Minas Gerais, Safadão garante que sua conversão não influencia nas composições e escolhas de suas músicas. Recentemente, ele lançou Igual Ela Só Uma, em que canta "Cê quer ver eu trair meu bem? Nananim, nem vem. Igual ela só uma, igual você tem cem".

"Algumas pessoas podem analisar a letra por este lado. Mas escolhi esta música porque é uma coisa que acontece no dia a dia, achei bem atual... É o que acontece hoje nas redes sociais em histórias gerais. Quando escuto uma música que pode dar um resultado bacana, gravo, mas não é o que eu estou vivendo. As músicas que eu gosto de ouvir normalmente não são as que eu gosto de cantar. O Wesley canta para pessoas sofrendo no show, que estão solteiras, que gostam de beber...", conta ele, que em breve lança Desencana, um pop com pegada funk.