Eduardo Costa paga multa de R$ 35 mil após ofender Fernanda Lima


Eduardo Costa foi condenado pela Justiça do Rio de Janeiro pelo crime de difamação. O sertanejo ofendeu a apresentadora Fernanda Lima e  terá que pagar multa no valor de R$ 31,5 mil, além de prestar serviços comunitários por oito meses. As informações são do site ‘Notícias da TV’.

O crime aconteceu em 2018. O cantor publicou mensagens ofensivas no instagram contra a artista na época em que ela comandava o programa ‘Amor e Sexo’. Ele afirmou que ela era "imbecil" e apresentava um programa para "maconheiro e bandido".

"Verifico que as consequências do crime foram gravíssimas. Como amplamente demonstrado pela querelante, a politização do seu discurso, pelo querelado, gerou ataques de ódio e ameaças a ela e sua família, causando-lhe danos até hoje", escreveu a juíza Maria Tereza Donatti na decisão.

Quando as ofensas do cantor viralizaram na época do crime, ele gravou um  pedindo desculpas a Fernanda Lima, que foi exibido antes de uma participação dele no programa ‘Conversa com Bial’, gravada antes das ofensas. A apresentadora recusou o pedido.

A assessoria de Eduardo Costa declarou ao Notícias da TV que ele não comentará o assunto.

Leia mais sobre celebridades no iBahia.com