Escolha de nova apresentadora do "Fantástico" não agrada a todos


A escolha de Poliana Abritta como nova apresentadora do “Fantástico” não foi bem recebida de maneira unânime nos bastidores da Globo, segundo o colunista Daniel Castro, de UOL. Profissionais mais antigos dizem que Poliana só foi indicada para substituir Renata Vasconcelos, que segue para o “Jornal Nacional”, por ser amiga íntima de Silvia Faria, diretora da Central Globo de Jornalismo.

Os colegas de emissora reclamam que como apresentadora, Poliana ainda é muito “crua”. Alguns temem que ela acabe “se queimando” no comando de um programa como o “Fantástico”, que ainda passa por crise criativa. Poliana também é vista nos bastidores como sem carisma para o novo cargo.

Poliana Abritta assume o Fantástico (Foto: Divulgação)

Segundo o colunista, ao ser indicada para o cargo Poliana “furou fila” que incluía colegas mais experientes na bancada, como Ana Paula Araújo, Christiane Pelajo e Flávia Freire, entre outras. Poliana sempre foi repórter, atuando como apresentadora somente no “Globo Mar” e substituindo colegas em férias.Em abril, Poliana foi designada como correspondente em Nova York, mas nem chegou a assumir a função – ela se mudou em julho para a cidade americana, mas já voltou para encarar o novo desafio. O repórter Fábio Turci ficará como novo correspondente em Nova York, na vaga de Eliana Bast, que vence no fim do ano. Já a vaga de Julio Mosquera, que seria de Poliana, continua sem nome.Matéria Original: Correio 24h
Escolha de nova apresentadora do “Fantástico” não agrada a todos na Globo, diz colunista