Humorista preso por agredir a mãe e ameaçar irmão de morte é liberado após audiência de custódia


Foto: TV Globo

O humorista Filipe Pontes, de 36 anos, preso em Ribeirão Preto (SP) no último sábado (31) após agredir a mãe, recebeu liberdade provisória da Justiça após uma audiência de custódia.

De acordo com o colunista Leo Dias, o comediante, conhecido por imitações como a de Luciano Huck, está proibido de se aproximar da mãe após o juiz do caso fixar medidas cautelares.

Filipe tem um limite mínimo de 300 metros tanto da mãe, quanto das testemunhas da agressão.

Entenda o caso

Filipe foi detido na manhã do último sábado (31), após ser flagrado agredindo a mãe. De acordo com o irmão do humorista, Filipe chegou em casa alterado e começou a ofender a mãe.

O boletim informa que Filipe pegou a mãe pelo pescoço e a enforcou. O irmão mais novo do humorista acordou e foi socorrer a mãe, mas foi empurrado e ameaçado de morte pelo agressor.

O caso foi registrado em boletim de ocorrência na Central de Polícia Judiciária (CPJ) como violência doméstica, ameaça, injúria e vias de fato.

Esta não é a 1ª polêmica envolvendo Filipe. Em março, o humorista havia sido indiciado no Rio de Janeiro por lesão corporal culposa qualificada no trânsito por conduzir o veículo sob influência de álcool e por não prestar socorro. À época, ele negou as acusações.

Filipe Pontes fez parte do elenco do “Zorra Total” nas temporadas de 2014 e 2015, e tem passagens pelo “Pânico na Band” e “Legendários”.

Leia mais sobre Brasil no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias.

Veja também: