No Dia do Samba, Alcione reflete homenagens aos 50 anos de carreira: ‘Estão me dando flores em vida’


Alcione
Foto: Divulgação

No Dia do Samba, comemorado nesta sexta-feira (02), a cantora Alcione celebra não só a data como a chegada dos 50 anos de carreira.

Capa da Vogue Brasil, a sambista falou com a revista sobre as homenagens que recebe pelas cinco décadas de música, incluindo um espetáculo musical dirigido por Miguel Falabella.

“É tão bom as pessoas homenagearem a gente em vida. Como dizia Nelson Cavaquinho: ‘Me dê as flores em vida’. Estão me dando, estão me dando flores em vida”, disse Alcione.

A cantora ainda relembrou a infância e contou que nos momentos de brincadeiras com os irmãos ela sempre era ovacionada pela família quando soltava o vozeirão.

“Na infância, a gente tinha que estudar e tirar boas notas, isso o meu pai cobrava. Lá em casa, a nossa brincadeira era pegar um cabo de vassoura, aí meu irmão anunciava: ‘Com vocês, a maior cantora do mundo’”, contou.

“E lá ia eu cantar naquele cabo de vassoura improvisado como microfone, diante de uma plateia formada pelo pessoal lá de casa. A família era grande e me aplaudia”, finalizou a cantora.

Leia mais sobre Música no iBahia.com e siga o portal no Google Notícias.