‘Sou do Candomblé e pedi licença para fazer ‘Santo”, declara Bruno Gagliasso


Foto: Divulgação

Bruno Gagliasso segue com a agenda de divulgação da nova série da Netflix, “Santo”, com lançamento confirmado para 16 de setembro na plataforma de streaming.

Na trama, o ator vive o policial Ernesto Cardona que possui o Candomblé como característica em comum com o artista.

Em entrevista para a revista Quem, Bruno Gagliasso disse que consultou o pesquisar e pai de santo Antônio Arruda para a preparação.

“Ele foi muito importante nessa preparação conosco, porque a gente sabe do perigo que é uma representação errada, deturpada ou tendenciosa das religiões de matriz africana”, iniciou.

É na Bahia que se inicia a história do policial que persegue um traficante de drogas internacional, mas a trama vai até a Espanha, onde ele acha um aliado para concluir a prisão. “Quando li o roteiro, fiquei louco, porque é um autêntico thriller mesmo”, disse.

O ator, que compartilha da mesma fé do personagem, pediu autorização dos mentores para fazer a série. “Eu sou do Candomblé, eu tenho Oxóssi do meu lado, Exu entrou com força agora. (…) Pedi licença e foi muito bem aceita”, explicou.

Veja o trailer:

Leia mais sobre Celebridades em iBahia.com e siga o Portal no Google Notícias.