Ingrata?

Youtuber do canal 'Bel para meninas' critica ajuda de fãs

Em maio de 2020, a mãe de Bel foi acusada de abuso e manipulação das filhas a fim de lucrar com o canal na web

Redação iBahia
25/08/2020 às 16h27

2 min de leitura

Em maio de 2020, a hashtag "Salvem Bel para meninas" ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter. Isso porque a mãe da Youtuber Bel foi acusada de explorar as filhas para lucrar, as colocando em situações de risco, como afogamento e ingestão de pasta de dente. No entanto, a família voltou a causar polêmica nesta terça-feira (25) e a hashtag #BelMalAgradecida ficou nos trends da rede social.

Bel e Fran, mãe da jovem, publicaram um vídeo no dia 21 de agosto falando que a tag #SalvemBelParaMeninas foi impulsionada por robôs para derrubar o canal no Youtube, e que encaminharam o caso para a delegacia de crimes na internet.  Para a youtuber, se tratava de uma atitude maldosa para atacar a família. "Eu não precisa ser salva da minha família, eu preciso ser salva de vocês", declarou a menina.

As filmagens repercutiram de maneira negativa na rede social, pois muitos internautas passaram madrugadas pedindo que as autoridades investigassem o caso e protegessem Bel. Assista ao vídeo completo abaixo e acompanhe algumas reações dos internautas.