Novelas

Laços de Família: Íris fica horrorizada ao ver a mãe ser assassinada

"Eu não saio daqui nem que você me mate", dirá Ingrid

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Nos próximos capítulos de 'Laços de Família', Íris (Deborah Secco) e Ingrid (Lilia Cabral) serão feitas de reféns em uma loja de conveniência e a situação acabará muito mal. Íris verá a mãe ser assassinada. 

Tudo acontecerá no dia em que Ingrid voltaria para o Rio de Janeiro. Ela vai pegar um táxi com Íris e o veículo parará em um posto de gasolina para abastecer. Então, Íris irá até a loja de conveniência do local e não perceberá que uma perseguição policial está acontecendo ali. O bandido a verá e a agarrará para tentar se defender. Ingrid vai se juntar a filha e as duas serão feitas de reféns pelo homem dentro da loja, junto com outros clientes. 

O homem pedirá aos policiais um carro para fugir e manterá íris sob a mira de uma arma. Os policiais providenciarão o carro, mas se manterão também com muitas armas apontadas para o marginal. Eles mandarão que o bandido libere os reféns, e ele o fará, até que Ingrid se recusará a sair sem a filha.

Foto: reprodução / TV Globo

"Eu não saio daqui nem que você me mate", dirá ela, com uma arma apontada para sua cabeça. "Libera minha filha. Eu sigo com você. Eu vou com você pra onde você quiser. Pelo amor de Deus, solta minha filha. Pelo amor que você tem a Deus. Ela é a única coisa que eu tenho nesse mundo", implorará a personagem de Lilia Cabral, de joelhos.

Íris, por sua vez, pedirá para a mãe ir. O bandido se irritará e mandará as duas pararem com a choradeira. "Eu vou levar as duas", avisará ele, que ameaçará matá-las caso os policiais não concordem. Mas, na hora da fuga ele dirá que Ingrid ficará no posto. 

A situação deixará Ingrid inconformada e ela vai tentar voltar para o carro, e neste momento o bandido atirará. Baleada no peito, a personagem de Lilia Cabral cairá, e sua menina gritará. O criminoso também levará tiros dos policiais. A mãe morrerá na hora, e Íris ficará horrorizada ao lado do corpo.