Novelas

'O Sétimo Guardião': irmandade descobrirá traição

Tudo começará quando o prefeito ceder às chantagens de Valentina (Lilia Cabral) e desapropriar o casarão de Egídio (Antonio Calloni)

Patrícia Kogut, de Agência O Globo
Nos próximos capítulos de "O Sétimo Guardião", os protetores da fonte ficarão perplexos ao descobrirem que foram traídos por Eurico (Dan Stulbach).
Foto: Reprodução
Tudo começará quando o prefeito ceder às chantagens de Valentina (Lilia Cabral) e desapropriar o casarão de Egídio (Antonio Calloni). O anúncio da medida será feito em praça pública, durante o evento da nomeação de Júnior (José Loreto) como novo secretário de educação de Serro Azul.
Ao ouvir a notícia, Feliciano (Leopoldo Pacheco) correrá para avisar os outros guardiões:
- Descobri por que Eurico se vendeu para Marlene.
- Você conseguiu ouvir os dois conversando? - questionará Ondina (Ana Beatriz Nogueira).
- Ele anunciou no microfone, para quem quisesse ouvir! A prefeitura desapropriou o casarão de Egídio para abrir a Casa de Cultura Valentina Marsalla. E ela vai instalar uma antena de telefonia celular e uma repetidora de TV em Serro Azul! - completará ele, deixando Ondina e Milu (Zezé Polessa) em choque.
Mais tarde, Ondina e Milu se encontrarão com Feliciano e Aranha (Paulo Rocha) na rua. Aflito, o médico dirá:
- Feliciano acabou de me contar. Parece que o Eurico envolveu a fonte nas falcatruas dele.
- Vamos esperar que ele chegue com o delegado. Aí a gente põe as cartas na mesa - pedirá o mendigo.
- O ilustríssimo prefeito botou a irmandade e a fonte em risco. Cuidado pra não cair no papo dele! - alertará Milu.