Novelas

Tragédia em 'Império': Reginaldo tenta violentar Cora, mata Jurema e é assassinado

Tudo começará quando Reginaldo (Flávio Galvão) invadir o quarto de Cora (Marjorie Estiano)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma verdadeira tragédia irá movimentar os próximos capítulos de “Império”. Tudo começará quando Reginaldo (Flávio Galvão) invadir o quarto de Cora (Marjorie Estiano) no intuito de estuprá-la, Jurema (Elizangela) ouvirá os gritos da mulher e correrá para impedir.

"Tu não vale nada, traste! Foi pra isso que tu voltou? Pra me dar mais esse desgosto? Dessa vez não vou passar a mão na sua cabeça. Vou pra casa, juntar a sua roupa e jogar no meio da rua!”, dirá.

No meio da discussão dois, Jurema morrerá ao perder o equilíbrio e cair da escada. “Você empurrou a coitada! Matou sim! Se não foi empurrão, foi de desgosto. Você é um pecador! Você atentou contra a castidade!”, falará Cora, já com uma arma em mãos.

“Quem é você para me julgar?”, dirá o crápula como resposta.

"Eu? Eu não sou ninguém para julgar você, mesmo. Só Deus pode te julgar... E Ele vai fazer isso agora”, soltará ela antes de atirar contra Reginaldo.