Onde Está Meu Trio

Mora no entorno do circuito do Carnaval? Veja onde o trânsito muda

Adesivos para veículos já começaram a ser enviados; são 64 mil

Thais Borges, do Correio 24h (thais.borges@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Moradores das áreas onde ficam os circuitos do Carnaval já podem conferir as mudanças no credenciamento de veículos da Transalvador para o período da folia. Desde a semana passada, os adesivos que indicam as zonas de restrição de automóveis já começaram a ser distribuídos pelo órgão de trânsito. 

Foto: Roberto Abreu/ Correio

Quem não tiver a credencial não poderá circular nessas áreas. A restrição inclui os bairros da Barra, Ondina, Canela, Rio Vermelho, Graça, Corredor da Vitória, Campo Grande e o Largo Dois de Julho. Este ano, a diferença é que serão 12 subdivisões na área de circulação, ainda que os adesivos sejam apenas de cinco cores diferentes: vermelho, amarelo, roxo, marrom e verde (ver mapa abaixo). 

A interdição total começa na quinta-feira de Carnaval, dia 9 de fevereiro. No entanto, desde a quarta-feira (8) alguns pontos terão bloqueios. "Recomendo que, a partir de quarta (8/2), todos já estejam com seus adesivos. Nós criamos as áreas não para quem mora fora ter acesso ao Carnaval, mas para quem mora dentro ter acesso a sua residência. Antes, por exemplo, todo mundo que morava no Porto da Barra tinha acesso irrestrito a Ondina”, explicou o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller.

Assim, mesmo quem tem um adesivo vermelho só vai poder transitar na zona referente à sua área de residência. As credenciais vermelhas incluem quatro subdivisões, mas cada morador só poderá trafegar em uma área. O adesivo verde tem três subdivisões, enquanto o roxo e o marrom têm duas, cada um. A credencial amarela é a única que não tem subdivisões, embora represente apenas um trecho da Avenida Centenário – o outro trecho ficou com a credencial vermelha. 

Ao todo, serão distribuídos 64 mil adesivos – dois para cada uma das 32 mil residências da área. As credenciais começaram a ser distribuídas no dia 20 de dezembro, através de empresas de logística – assim, devem ser entregues nas mãos dos proprietários. “Nós consideramos isso um avanço em termos de segurança”, afirmou Muller. 

Quem não receber a credencial deve ir à sede da Transalvador, no Vale dos Barris, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. Outra opção são os postos de informação que serão inaugurados nos Shoppings Barra e Salvador nesta quinta-feira (18) e devem funcionar até o dia 5 de fevereiro.  Para conferir se tem direito ao adesivo, acesse o site especial da Transalvador para o Carnaval. 

Número da placa

Vai ser obrigatório ainda que a placa do veículo seja escrita no adesivo – segundo a Transalvador, a medida é mais um elemento de segurança. A inscrição deve ser feita necessariamente antes de o adesivo ser fixado no para-brisa. Não inscrever o número da placa pode significar o recolhimento e a destruição do adesivo. 

Motociclistas, por sua vez, terão um adesivo específico para esse tipo de veículo. Para pegar a credencial, é preciso ir até a sede da Transalvador e entregar o adesivo que receberam para automóveis – eles serão trocados. Os condutores também devem apresentar um comprovante de residência e o documento do veículo atualizado. Segundo Fabrizzio Muller, os adesivos serão conferidos por amostragem.

Trânsito livre

Prestadores de serviço também podem solicitar uma credencial específica para o Carnaval – é o adesivo de Trânsito Livre. De acordo com a Transalvador, o cadastro de solicitações para a festa estará disponível até o dia 4 de fevereiro e pode ser feito no site. 

É preciso apresentar o formulário enviado por email ou impresso no site, o contrato social (se for pessoal jurídica) ou o número do documento de identidade (se for pessoa física); CNPJ ou CPF; comprovante de endereço e um contrato de serviço.

Quem usar indevidamente o Trânsito Livre pode ser autuado com base no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), além de ter a credencial retida. O CPF ou CNPJ envolvido também poderá ser bloqueado para esse tipo de serviço nos anos seguintes. 

Por outro lado, veículos como viaturas policiais e ambulâncias não precisam de credenciamento: eles terão livre circulação no entono dos circuitos. Já os veículos administrativos precisam solicitar o trânsito livre através do site.

Legenda

ROXA

1 - Residências situadas entre os bairros da Graça e Barra, não contemplados na zona vermelha, compreendendo: Largo da Vitória, Ladeira da Barra, Porto da Barra, Avenida Princesa Isabel e ruas adjacentes.

2 - Os seguintes logradouros situados entre a Graça e Barra:  Av. Centenário, sentido Barra, Rua Miguel Burnier, Marquês de Caravelas, Jardim Brasil, Rua Dr. José Serafim e ruas adjacentes.

VERMELHA

3 - Logradouros situados no circuito do Carnaval, entre o Porto da Barra e a Av. Oceânica até a Rua Marquês de Caravelas, incluindo o Morro do Gavazza, Rua Afonso Celso e ruas adjacentes.

4 - Logradouros situados no circuito do Carnaval entre a Rua Marquês de Caravelas e Prefeitura da Aeronáutica, incluindo as ruas transversais.

5 -  Logradouros situados no circuito do Carnaval após a Prefeitura da Aeronáutica até o acesso à Avenida Adhemar de Barros.

6 - Residências situadas, exclusivamente, nos seguintes logradouros: Avenida Presidente Vargas e Rua Oswaldo Ribeiro.

AMARELO

7 - Residências situadas na Avenida Centenário, no sentido Barris, incluindo Chame Chame, Morro do Gato, Jardim Apipema, Rua Professor Sabino Silva e vias transversais.

MARROM

8 - Residências situadas na Avenida Adhemar de Barros e vias transversais do lado direito sentido orla, excluindo a Rua Dr. Oswaldo Ribeiro.

9 - Residências situadas na Avenida Oceânica, entre a curva da Paciência e Avenida Adhemar de Barros, incluindo todas as vias transversais de ambos os lados.

VERDE

10 - Residências situadas do Corredor da Vitória ao Campo Grande até o acesso ao Vale do Canela, incluindo vias transversais.

11 - Residências situadas entre a Rua Banco dos Ingleses e o Campo Grande até o acesso ao Corredor da Vitória e via que margeia a Praça Dois de Julho, do lado do Hotel Sheraton. Largo Dois de Julho, incluindo todas as vias transversais.

12 - Residências situadas no Campo Grande, a partir da saída do Vale do Canela e Rua Araújo Pinho, incluindo todas as vias transversais.