Salvador

Agenda Bahia discute novos olhares para a relação entre tecnologia e sociedade

Evento gratuito será realizado no dia 3 de outubro

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
Você já parou para pensar quanta coisa mudou tecnologicamente falando nos últimos dez anos? E em quantas podem mudar na próxima década? O iBahia entrou no clima do 'Fórum Agenda Bahia', que tem como tema deste ano a A. R. (Realidade Aumentada), e preparou uma lista das mudanças que revolucionaram a relação entre a tecnologia e a sociedade. 
O evento é gratuito e acontece no dia 3 de outubro, das 8h às 17h30, no Senai Cimatec. As inscrições estão abertas pelo site da Sympla.
O Agenda Bahia discutirá como o homem pode se apropriar das tecnologias contemporâneas para se inserir em tempos de mudanças, abrindo novos olhares para a discussão e planejamento de uma agenda local conectada com o país e o mundo.
Foto: reprodução / IT Forum 365
Em entrevista ao iBahia, a curadora do evento, Rachel Vita, explicou a importância de debater a realidade aumentada. "O tema [A. R] Evolução traz uma combinação de inovações que pautam os novos investimentos. A Realidade Aumentada será o fio condutor para trabalharmos os novos olhares para essa era de tantas transformações radicais. Nosso foco não é tecnologia. Mas o Homem. Especialistas apontam que, com a chegada do 5G (prevista pro Brasil em 2020), uma nova revolução está em curso", ressaltou. 
Rachel Vita ainda lembrou que conexão promove mudanças radicais na sociedade. "Pense como era sua vida há 10 anos? - a rede agora poderá conectar também objetos. Homens e máquinas conectados. Isso irá permitir o avanço de inovações, como Internet das Coisas, Realidades Imersivas, e muitas outras que ainda nem sabemos. Não estamos falando mais para a geração dos nossos netos, nossos filhos. Mas de todos nós. E como se preparar, desde já, para esse futuro? Isso é o que vamos apresentar e debater com nosso público". 
Pegando carona na proposta do evento e na reflexão sugerida por Rachel Vita, o iBahia preparou uma lista das tecnologias que surgiram nos últimos dez anos e a gente não vive sem. Confira:

1- Smartphones: o telefone inteligente revolucionou o cotidiano das pessoas tanto para questões de trabalho como de lazer. Talvez você nem tenha parado para pensar nisso, mas o primeiro Android foi lançado no final de 2009.
Atualmente, é muito raro ouvir alguém dizer que vai esperar chegar no trabalho para passar um e-mail ou revelar uma foto de viagem para mostrar aos amigos, pois essas e outras funcionalidades cabem na palma da manhã com os aparelhos. 
 
2- iPhone: as várias funcionalidades dos smartphones também fazem parte da vida dos usuários do iPhone. O aparelho fabricado pela Apple, que foi lançado no ano de 2007, é sinônimo de qualidade e status na sociedade. Além disso, os novos lançamentos do iPhone são sempre assunto e motivo de curiosidade nas discussões sobre tecnologia. 
3- Redes sociais: quando a gente ia imaginar que os bares precisariam realizar ações para tirar as pessoas do celular durante os encontros com amigos e parceiros? Hoje, essa é uma realidade cada vez mais comum para driblar o hábito de ficar sempre conectado - responder em grupos do Whatsapp, postar fotos/vídeos do momento, acompanhar as novidades do Twitter, entre outras coisas. 
4- Praticidade nas rotinas de trabalho: as redes sociais e as funcionalidades dos celulares são ótimos aliados para o trabalho. Distribuição de funções em projetos, recados, lembretes de reuniões, envio de e-mail, etc. 
Foto: reprodução / DR
5- Serviços de mobilidade: há dez anos o deslocamento pelas cidades do Brasil mudou completamente com o surgimento do primeiro aplicativo da transporte, o Uber. Atualmente, a gente consegue até mesmo fazer comparativos de preço e escolher o carro mais em conta para sair. Em Salvador, temos Uber, 99, itmov, Cabify como aliados da locomoção. 
6- Adeus comprar pacote de SMS e MSN Messenger: em dez anos, as conversas no Brasil migraram para o celular e, mais especificamente para dentro do WhatsApp. Trocar fotos, mensagens de texto, áudio, memes e figurinhas é algo extremamente comum na nossa rotina. Você chegou a usar o MSN? Se sim, ainda lembra como era suas conversas pode lá? 
7- Praticidade para resolver questões financeiras: da abertura de conta bancária ao esclarecimento de dúvidas, todas as necessidades dos clientes podem ser resolvidas pela internet. Sem fila, sem burocracia e de qualquer lugar. 
Nos últimos dez anos, o Internet Banking e os bancos digitais passaram a fazer toda diferença na vida de pessoas físicas e jurídicas no Brasil. 
8- Fim das locadoras e diminuição da compra de CDs:  a distribuição de conteúdo de forma digital, seja áudio ou vídeo, não para de crescer no Brasil e no mundo. Você com certeza usa ou já utilizou os serviços da Netflix, Crackle, Telecine Play, YouTube, HBO Go, Google Play, iTunes Store, EL Plus, Spotify e Streaming de games. 
9- Rotina inteligente: aparelhos que oferecem várias funções têm ganhado o gosto dos brasileiros. Televisão inteligente (Smart TV); smartwatch (relógio que monitora batimentos cardíacos, quantidade de passos, tem conexão com redes sociais, monitora sono, etc);  mini liquidificador portátil; e cartão de acesso inteligente em hotéis (cartão de abre a porta e aciona o funcionamento de luzes e ar condicionado). 
10-  Big Data: a enorme quantidade de dados estruturados e não estruturados gerados a cada segundo cuja finalidade é auxiliar as empresas a tomarem melhores decisões em seus negócios. As sugestões automáticas de meios de transporte, restaurantes e opções de entretenimento; a e a possibilidade de ver o que as outras pessoas estão comprando no site surgiram nesse contexto. 

De acordo com o Instituto Brasileiro de Ensino (IBE), com o Big Data, a empresa consegue analisar os dados do público-alvo e ter acesso a informações importantes — como comportamento, perfil de compra, rendimento financeiro, escolaridade — e assim traçar estratégias de marketing bem estruturadas e decisivas. 

A curadora do Agenda Bahia ainda aconselhou como devemos nos preparar para as constantes mudanças."O aprendizado, mais do que nunca, terá que ser constante. As mudanças acontecem muito rapidamente. Existe uma série de antigos e novos desafios a serem resolvidos. Na educação, na desigualdade social, no mercado de trabalho, na economia, nos negócios... Mas também avanços são esperados, com impactos positivos para toda a sociedade, em diversas áreas (do agronegócio à saúde)".