Salvador

Após sofrer racismo, Tia Má é ameaçada de morte e denuncia

Na terça-feira (27), Maíra buscou auxílio da Justiça. “É preciso sim expor os racistas e acionar os mecanismos de defesa

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Após ser chamada de 'Monkey'(macaca) durante uma transmissão ao vivo no Instagram em que falava sobre candomblé, a jornalista Maíra Azevedo, Tia Má, sofreu ameaça de morte e denunciou na mesma rede social. "Vou acaba com você.Vc nao passa de hj.Pode fica sabendo (sic)", dizia um trecho da ameaça. Após publicar, a influenciadora digital afirmou que vai denunciar a agressão à polícia.

Na terça-feira (27), Maíra buscou auxílio da Justiça. “É preciso sim expor os racistas e acionar os mecanismos de defesa. Denunciar a página, buscar apoio nos órgãos específicos como o Ministério Público. Aqui destaco a atuação da promotora Lívia Vaz, que de imediato buscou me orientar.