Salvador

Assaltantes fazem seis reféns em prédio no bairro da Pituba

A dupla planejava invadir os apartamentos do prédio, mas desistiu da ação e levou apenas a bolsa de uma moradora

Guilherme Silva (guilherme.silva@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Dois homens armados invadiram um prédio no bairro da Pituba e roubaram pertences de moradores do Edifício Tibério, na Alameda Carrara, na manhã desta terça-feira (14). Segundo uma das moradoras do prédio, a dupla manteve seis pessoas como reféns por cerca de 30 minutos e planejava invadir apartamentos do imóvel localizado na região do Parque Júlio César.


O tenente Brandão, da 13ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Pituba), indica que a invasão aconteceu por volta de 10h30 e os criminosos fugiram em um carro modelo Gol. Durante a ação, a dupla desistiu de entrar nos apartamentos e levou apenas a bolsa de uma das moradoras do edifício, que tem 21 andares e 84 apartamentos.


Moradora do quarto andar, Célia Aquino foi uma das reféns mantidas pelos ladrões. Ela conta que eles anunciaram o assalto logo que passaram pela portaria. "Um deles usava uma roupa que parecia de um trabalhador que faz manutenção do elevador. Ele aproveitou que um morador estava saindo, e, antes da porta fechar, conseguiu entrar no prédio".


Segundo Célia, perto da portaria estavam a síndica, sua mãe e um funcionário do edifício. Os criminosos perguntaram onde estava a síndica e, assim que ela respondeu, a dupla anunciou o assalto. "Eu estava com o porteiro indo em direção à portaria e, quando chegamos lá, eles nos renderam também", conta a moradora.


Os ladrões ainda renderam um outro morador do prédio pouco depois de chegarem ao local e mandaram os seis entrarem no elevador. De acordo com Célia, a intenção da dupla era assaltar o seu apartamento e o da síndica.


Os dois homens mantiveram as seis pessoas como reféns por cerca de 30 minutos no sétimo andar do prédio. Durante esse período um dos ladrões conversava com uma pessoa que estava fora do prédio e apresentava nervosismo, segundo Célia. A síndica argumentou com eles que estava sem a chaves do seu apartamento e alertou que se eles fizessem muito barulho durante a ação poderiam chamar a atenção de muitos moradores.

Edifício invadido fica na região do Parque Júlio César



"Eles então resolveram descer pra portaria de novo e assaltar as pessoas que chegavam da rua para o edifício. Uma moradora chegou lá e eles apontaram a arma na cebeça dela até ela entregar a bolsa", descreve Célia. Segundo ela, quando uma outra moradora chegou ao local, ela se assustou e começou a gritar que era um assalto. "Os dois então se assustaram, gritaram 'é barril, é barril!' e fugiram em um carro", diz a moradora.Os moradores do Edifício prestaram queixa na 16ª Delegacia. Imagens do circuito de segurança do local foram usadas na denúncia. Segundo o tenente Brandão, da 13ª CIPM, até o momento os envolvidos no crime não foram localizados.


Matéria original: Correio 24h

Assaltantes fazem seis reféns em prédio no bairro da Pituba