Salvador

Até novembro: praça de alimentação do Aeroporto não irá funcionar durante período da noite

Área de pré-embarque também sofreu mudanças: passará do primeiro para o segundo pavimento

Redação iBahia
- Atualizada em

A praça de alimentação do Aeroporto de Salvador não irá funcionar entre 21h e 6h até o dia primeiro de novembro. A área de pré-embarque também sofreu mudanças: passará do primeiro para o segundo pavimento. As medidas foram adotadas para atender as demandas das obras que estão sendo realizadas no local.

Foto: Divulgação

Durante as intervenções na praça de alimentação, as lanchonetes Bob's e Pastelo funcionam normalmente e permanecem abertas 24 horas. Nos dias de semana, entre 21h e 6h, os passageiros podem contar com os quiosques espalhados pelo Aeroporto e vending machines. Nos fins de semana, o funcionamento da praça não será interrompido.

As alterações fazem parte do cronograma de obras previsto no contrato de concessão do Aeroporto em que a VINCI Airports assumiu a gestão das operações no terminal. As obras estão divididas em duas fases (1B e 1C), nos próximos quatro anos. A primeira foi iniciada em abril de 2018 e tem previsão de conclusão em outubro de 2019. A segunda tem conclusão prevista para outubro de 2021.

Esta primeira fase envolve ampliação e modernização do terminal de passageiros existente, mudanças no embarque e desembarque, modernização de banheiros e fraldários, melhorias na sinalização, instalação de novos sistemas de ar condicionado e ventilação e adequação na infraestrutura na área das aeronaves.

A concessionária garantiu que a partir de outubro de 2019, nove pórticos de inspeção de segurança, que incluem raio-x e scanner corporal serão instalados acima da atual praça de alimentação e funcionarão de forma unificada para acesso tanto de passageiros de voos domésticos quanto internacionais. O objetivo é conferir mais agilidade ao fluxo de passageiros.