Salvador

Briga entre facções provocou atentado no Matatu de Brotas, diz polícia

A localidade do Brongo vem sofrendo com tiroteios e homicídios desde o final de novembro deste ano

Da Redação
- Atualizada em

De acordo com informações da delegada titular da 6ª Delegacia Territorial de Brotas, Maria Dail Sá Barreto, o tiroteio que matou um homem e feriu oito pessoas no vale do Matatu de Brotas pode ter sido motivado pela disputa de duas facções pelo tráfico de drogas na região. "Acreditamos que o pessoal da Baixa do Tubo esteve 'bagunçando' a área da facção do Brongo", afirmou Maria Dail, explicando que estes podem ter revidado atacando os moradores daquela localidade para demonstrar poder.


Uma das vítimas, Josemar Brito da Silva, de 30 anos, foi atingido por tiros em várias partes do corpo e chegou a ser socorrido por amigos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de dar entrada no Hospital Geral do Estado (HGE).


Outro ferido, Valnei Bispo de Oliveira Júnior, também de 30 anos, está internado no Hospital Roberto Santos e respira somente com o auxílio de aparelhos.


Das outras sete pessoas feridas no atentado, duas já tiveram alta do HGE e outras foram transferidas para outras unidades de médicas da capital ou estão em estado de saúde estável.


Segundo a polícia, as nove vítimas retornavam de um passeio à praia fora de Salvador e pararam no bar para descansar. Um homem armado passou em um carro branco atirando nas pessoas que estavam na rua.


Violência no Brongo
O clima de insegurança na região já foi sentido pelos moradores em outra oportunidade, no dia 8 de dezembro deste ano. Nesta ocasião, vários disparos de arma sucessivos foram ouvidos pelos habitantes, mas as viaturas da Polícia Militar não conseguiram localizar o responsável pelos tiros.


Segundo o subtenente Robson, da 37ª Companhia Independente de Polícia Militar (Liberdade), os conflitos na região são constantes e entraram em uma crescente desde que um suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas foi morto na localidade conhecida como Floresta no último dia 4. Grupos rivais disputam pontos de drogas. Só neste sábado, a Polícia Militar recebeu várias denúncias de tiroteio.


"Eles estão tentando implantar o terror aqui, mas estamos agindo com firmeza, com tranquilidade", diz o subtenente.


Pouco antes, no dia 20 de novembro, dois homens foram mortos a tiros durante uma disputa de quadrilhas rivais na região do Brongo.


Matéria original: Correio 24h

Briga entre facções provocou atentado no Matatu de Brotas, diz polícia