Salvador

Centro universitário realiza atendimento gratuito para declaração do Imposto de Renda

Iniciativa reúne alunos e professores dos cursos de Ciências Contábeis e Administração

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Alunos e professores dos cursos de Ciências Contábeis e Administração do Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge) irão oferecer atendimento online gratuito para responder dúvidas dos contribuintes e fazer a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2020. A ação será realizada até o dia 15 de junho. 

A iniciativa, que acontece em parceria com o Salvador Shopping e o Salvador Norte Shopping, pretende beneficiar a Apae Salvador através de doações por meio da declaração de IR.

Segundo o professor do curso de Ciências Contábeis da Unijorge e coordenador da ação, André Brito, 25 alunos estarão envolvidos no atendimento online e as declarações serão revisadas por professores e aprovadas pelo contribuinte antes do envio. 

André Brito também explica que na hora da declaração, somente pelo modo completo, o contribuinte pode destinar 3% do imposto devido ao Fundo da Criança e do Adolescente de Salvador, sem pagar nada a mais. Esta contribuição pode ser comunicada a Apae, que

então recebe diretamente o benefício. Segundo ele, estes recursos serão utilizados na ampliação dos serviços de humanização do Centro Especializado em Reabilitação, no bairro de Coutos.

Como realizar
Para a realização da declaração, o interessado precisa enviar os documentos listados abaixo digitalizados para o e-mail ir2020@unijorge.edu.br. O atendimento é destinado para pessoas com rendimento anual até R$ 90 mil.

Documentos necessários:
- Declaração do ano anterior (se tiver) em PDF ou arquivo
de cópia de segurança;

- Dados de identificação do contribuinte (CPF, título
de eleitor, endereço residencial com CEP, dados profissionais (profissão que exerce ou função));

- CPF, nome completo e data de nascimento dos dependentes;

- Informe de rendimentos de todas as fontes onde trabalhou
ou prestou serviços em 2019 e de aposentadoria, se tiver;

- Informe para IR de instituições financeiras (bancos);

- Notas de despesas médicas, planos de saúde e de educação,
seu e de seus dependentes;

- Documentação referentes aos seus bens adquiridos
em 2019 e de anos anteriores, caso não tenha a declaração do ano passado;

- Comprovantes de rendimentos com aluguéis;

- Outros: quem recebeu ou realizou pagamento de pensão
alimentícia ou doação, recebeu herança, contratou empréstimos, recebeu FGTS, indenizações por ações judiciais (cíveis ou trabalhistas), devem apresentar a documentação correspondente.