Salvador

Decoração de Natal no Campo Grande traz homenagens as vítimas de Covid

Local foi inaugurado nesta terça-feira (23)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )
- Atualizada em

Na noite desta terça-feira (23), o prefeito de Salvador, Bruno Reis, inaugurou a decoração de Natal da Praça do Campo Grande. Entre as novidades deste ano estão homenagens a profissionais de saúde e vítimas da Covid-19. 

A decoração natalina conta com cerca de sete milhões de lâmpadas sustentáveis de LED e reúne opções de lazer para o público e uma estrutura com catedral composta por vitrais, Casa do Papai Noel, presépio gigante e vila natalina.

Com o tema "Luz para recomeçar", os ambientes trazem toques especiais. A catedral temática é inspirada nos castelos de cristais e tem recortes de vitrais com imagens natalinas. O túnel tem nove metros de altura e 87 metros de extensão, todo coberto com micro lâmpadas de LED branco. Placas de madeira com estampas de azulejarias azul desenhadas a mão complementam a obra de arte, segundo a prefeitura.

Durante o percurso do túnel, os visitantes se deparam com três boulevards compostos de imagens e grandes lustres de cristais com iluminação. A caminhada pela catedral é embalada por uma trilha sonora composta por 20 canções que sincronizam as 250 mil microlâmpadas que preenchem o teto e as laterais da estrutura até o chão.

O presépio, um dos símbolos do Natal, foi todo construído artesanalmente. Os personagens medem 80cm a 2,50m de altura e ficam presentes em um estábulo confeccionado de madeira envelhecida e palhoça. No telhado, uma estrela de Belém e um anjo anunciam o nascimento do menino Jesus.

Para quem deseja ver o Bom Velhinho, a Casa do Papel Noel é toda transparente com luzes natalinas. Com janelas e portas de vidro, a estrutura é dividida em dez ambientes: varanda, sala de estar, sala do trono, sala de música, escritório, quarto, banheiro, sala de jantar, cozinha e quintal, além de trenó estacionado na garagem.

No local, há também uma Vila Natalina. Composta por dez barraquinhas, o ambiente é perfeito para quem deseja comprar artigos de artesanato típicos do período em diferentes materiais, santeiros e expositores de entidade sociais. 

O espaço poderá ser visitado até o dia 6 de janeiro, sempre de 18h às 22h, mediante agendamento pela internet. O site disponibiliza cinco horários (18h, 19h, 20h, 21h e 22h), e o limite é de duas mil pessoas para cada sessão. O tempo de permanência por pessoa é de até 50 minutos.

Acessibilidade 

Segundo a Prefeitura, o site de agendamento redesenhado para a edição desse ano, passando a atender também as pessoas com deficiência. Além disso, a Praça do Campo Grande passa a contar com monitores para guiar os cegos, peças com descritivos em braile, e uma equipe treinada em libras.