Salvador

Dez famílias receberão auxílios após desabamento em Pituaçu

Quatro pessoas morreram soterradas nesta terça-feira (13)

Redação Correio 24 horas
- Atualizada em

Dez famílias que foram afetadas pelo desabamento de um imóvel em Pituaçu vão receber auxílio da Secretaria Municiapl de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps). Todas já foram cadastradas e orientadas a procurar o quanto antes a Defesa Civil de Salvador (Codesal). A expectativa é que os benefícios comecem a ser pagos já na semana que vem.

(Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO)

Três das famílias vão receber dois benefícios - auxílio moradia, conhecido como aluguel social, para quem precisa deixar uma área onde há risco para a vida; e o emergência, concedido a quem sofre perdas materiais. As outras sete famílias receberão somente o auxílio-moradia, pois terão que deixar os imóveis por conta de riscos identificados no local pela Codesal. É possível que alguns imóveis sejam demolidos para passagem de máquinas para retirada de escombros. Neste caso, todos objetos e pertences serão removidos.

O auxílio-moradia é de R$ 300 mensais para as famílias cadastradas. Já o auxílio-emergência pagará três salários mínimos. Quatro auxílios-funerais serão pagos para ajudar nos custos de sepultamento das vítimas que morreram no desabamento do imóvel.

A Codesal ainda está finalizando a vistoria no local. Novos imóveis podem precisar de evacuação e, por isso, mais benefícios ainda podem ser concedidos.