Salvador

Estacionamento será retirado da orla para ampliação de avenida; veja mudanças

No local, serão construídas novas faixas que irão até a Avenida Manoel Dias

Redação Correio 24h
- Atualizada em

Uma das maiores intervenções que serão feitas na região do Jardim dos Namorados, na Orla de Salvador, para melhorar o tráfego de veículos será a retirada de um estacionamento, que atualmente funciona em frente ao Boteco do Caranguejo. As obras começaram na manhã desta terça-feira (13), após anúncio da prefeitura. No local, serão construídas quatro novas faixas que irão até a Avenida Manoel Dias. A ideia é desafogar a Rua Fernando Menezes de Góes, que recebe fluxo de sete faixas, mas só tem comporta três. Segundo a prefeitura, neste trecho passam 6 mil carros por hora.

Projeto prevê construção de novas faixas que irão até a Avenida Manoel Dias, sentido Rio Vermelho 
(Foto: Divulgação)

De acordo com o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, a diminuição do estacionamento não vai afetar os estabelecimentos que funcionam no local. “A menos de 30 metros, tem uma grande oferta de vagas, são mais de 280 vagas de estacionamento. Não há dificuldade nesse período de obras e depois delas, os clientes podem usar as vagas que estão a uma travessia dos estabelecimentos”, explicou.

Segundo o secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, o trânsito não vai ser impactado com a obra no Jardim dos Namorados. “Como essa área é restritamente interna hoje, não vai ter muitas mudanças. O trânsito fica igual até abrir a área. Já tem muitas casas e lojas fechadas hoje, essa via é, praticamente, usada internamente. Vamos criar uma via única para quem tem acesso aqui”, explicou. 

No total, serão quatro grandes intervenções no trânsito da cidade e as obras devem durar 120 dias, a contar de hoje. Segundo o prefeito ACM Neto, a prefeitura fez estudos para identificar os pontos com maiores problemas de mobilidade.

“Nós identificamos alguns pontos críticos da cidade e fizemos um trabalho de estudo aprofundado para a melhoria do trânsito. Estamos autorizando as obras nos pontos críticos: em São Cristóvão, vamos fazer um novo binário e dar melhor fluidez na Estrada Velha do Aeroporto. No Imbuí, facilitando a integração com a Boca do Rio; e a maior delas no Jardim dos Namorados, integrando à Avenida Octávio Mangabeira”, explicou.

Intervenções

A ordem de serviço foi assinada nesta terça-feira (13) pelo prefeito. “A ordem de serviço vai deflagrar as quatro intervenções ao mesmo tempo. São pontos onde temos maior problemas de mobilidade da cidade de Salvador”, explicou Fábio Mota.

O segundo lugar com maior intervenção será em São Cristóvão. Lá, haverá mudança de sentido na Avenida Aliomar Baleeiro e, posteriormente, será construído um mercado municipal para reunir o comércio informal que hoje ocupa as ruas do bairro e interfere no trânsito. 

Na Aliomar Baleeiro, o sentido será único até a Rua 3 de Maio. Quem precisar ir no outro sentido, pode usar a Rua Lauro de Freitas, prosseguindo pela Rua 3 de Maio, até voltar novamente à Aliomar Baleeiro. 

Já no Imbuí, um acesso será realizado para melhorar a integração do bairro com a Boca do Rio. A passagem será realizada no Conjunto Marback. No Stiep, um novo acesso foi criado para facilitar o retorno no sentido Centro de Convenções, onde foi feito um novo corte no canteiro central. As obras já estão em andamento no local. 

Entre as novidades anunciadas pela prefeitura está a requalificação da Praça Wilson Lins, na Pituba, e o recapeamento das principais vias da cidade como as avenidas Vasco da Gama, Anitta Garibaldi e Bonocô. "Vamos atuar nas principais bases de trânsito de Salvador", afirmou o prefeito. A obra deve começar quando o período de chuvas passar.