Salvador

Inema alerta: 16 praias de Salvador estão impróprias para o banho

De 34 pontos avaliados pelo órgão baiano, 16 estão impróprios; saiba quais são

Da Redação

No feriado desta quinta-feira (15), o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema) chama atenção para que os banhistas evitem algumas praias da Região Metropolitana de Salvador. Após avaliar 34 pontos, foi constato que pelo 16 estão impróprios para o banho.



O órgão pede para que os banhistas evitem as praias da Penha (Em frente à Igreja N. S. da Penha), São Tomé de Paripe (Em frente à Vila Maria), Periperi (Atrás da estação Férrea), Pedra Furada (Atrás do Hospital Sagrada Família), Boa Viagem (Ao lado do Forte), Roma (Atrás do Hospital São Jorge), Canta Galo (Atrás da antiga fabrica da Brahma, atual FIB), Ondina (Em frente à Rua Ademar de Barros), Pituba (Atrás do antigo Clube Português), Armação (Em frente ao Clube Inter. Pass), Boca do Rio (Em frente ao Posto Salva Vidas), Corsário (Em frente ao Posto Salva Vidas e em frente ao Posto Salva Vidas Patamares), Itapuã (Em frente à Sereia de Itapoã), Farol de Itapuã (Em frente à Rua da Música / antiga Rua K) e Buraquinho (Em frente à barraca de praia Chalé).


Nas demais praias da Região Metropolitana de Salvador as condições são normais. O diagnóstico das condições de balneabilidade é obtido mediante o recolhimento de amostras em 30 praias de Salvador, mais quatro praias de Lauro de Freitas, durante cinco semanas.


No período em que o tempo estiver chuvoso, as praias podem ser contaminadas por arraste de detritos diversos, carregados das ruas através das galerias pluviais, podendo causar doenças. Além disso, é desaconselhável, ainda em dias de sol, o banho próximo à saída de esgotos, desembocadura dos rios urbanos, córregos e canais de drenagem.