Salvador

Mulher é presa após aplicar golpe 'boa noite, Cinderela' em turistas

Assista ao vídeo onde câmeras de segurança de um condomínio flagram a suspeita acompanha de um homem

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma mulher foi presa nesta quinta-feira (15) acusada de aplicar golpes de 'boa noite, Cinderela' em turistas que estavam visitando Salvador. A polícia possui pelo menos quatro registros de casos onde Naiara Barbosa dos Santos, 33 anos, é investigada por dopar homens para roubá-los em seguida. As informações são do CORREIO.

Foto: Reprodução/TV Bahia
No dia 22 de outubro, câmeras de segurança de um condomínio, localizado em Ondina, flagraram a suspeita entrando no elevador com um homem. Em seguida, ela aparece novamente com uma sacola nas mãos. De acordo com a polícia, na ocasião ela carregava notebook, um aparelho de celular e a quantia de 2 mil euros. A quantia e os eletrônicos pertenciam a uma turista francês que ela conheceu em Itapuã.

Ainda segundo a polícia, Naiara dopou a vítima no apart que ele alugou, no bairro de Ondina, e os resultado dos exames ainda são aguardados para saber que tipo de substância que ela utilizou nos homens. A suspeita é investigada por praticar crimes contra homens da França, Itália, Holanda e Inglaterra.

Naiara nega os crimes. Ela diz que bebeu cerveja com a vítima e um amigo e foram
para o apartamento para usar drogas.

"Eu saí para comprar drogas para ele, mas não voltei mais. Saí com os R$ 100. Não existe 2 mil euros. Ele estava usando cartão, paramos em alguns lugares para ele fazer uns saques, mas não existe 2 mil euros. Eu queria que ele estivesse aqui para a gente passar essa história a limpo", disse durante a apresentação.

Além deste caso, a suspeita também é acusada de dopar um turista italiano em março deste ano, no Porto da Barra. A droga foi tão forte que o homem foi encontrado sangrando.

"Nesse caso ela teve a ajuda de uma outra mulher, identificada como Laís. Em 2007
aconteceu outros dois casos, um turista holandês e outro inglês. Ela se aproxima
das vítimas, estabelece contato e espera o momento de agir", contou a delegada da Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur), a responsável pelo caso, Marita Souza.

Aqueles que tiverem mais informações de Naiara em outros crimes podem entrar em contato com a polícia através do Disque Denúncia no (71) 3235-0000 ou 181. Não precisa se identificar.