Salvador

Ônibus de Salvador terão ações reforçadas no combate ao Covid-19; veja o que muda

Detalhes foram apresentados pelo prefeito ACM Neto em uma coletiva virtual nesta sexta-feira (29)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

O transporte coletivo de Salvador terá novas ações municipais de reforço no combate ao coronavírus, que envolvem operação assistida dos ônibus, ações de proteção à vida de rodoviários e passageiros e, ainda, campanhas educativas para conscientização da população para a prevenção contra a Covid-19. Os detalhes foram apresentados pelo prefeito ACM Neto, acompanhado do secretário municipal de Mobilidade (Semob), Fábio Mota, em coletiva virtual ocorrida nesta sexta-feira (29).

O chefe do Executivo municipal salientou que o transporte coletivo tem sido um dos maiores desafios nesse período de combate à pandemia na cidade. Atualmente, a capital baiana registra 30% do volume usual de passageiros transportados e 40% da frota de dias normais em atuação. Apesar do resultado positivo do trabalho realizado no atendimento à demanda nos terminais de ônibus, ainda ocorrem casos de aglomeração de passageiros, principalmente em linhas que atendem ao Subúrbio Ferroviário, uma das regiões mais populosas de Salvador.

“Estas ações procuram dar mais segurança aos rodoviários e aos usuários do transporte coletivo, que é um dos principais vetores de transmissão do novo coronavírus devido às aglomerações. Com isso, procuramos dar mais vazão à demanda dos passageiros, evitando essa situação, além de promover ações de proteção à vida dos rodoviários e da população”, explicou ACM Neto.
 


Operação assistida
Com a nova operação assistida, a ser iniciada na segunda-feira (01), o Subúrbio terá a frota ampliada para 60% do volume normal de dias úteis. No total, 236 veículos atenderão à demanda ocorrida na Avenida Afrânio Peixoto (Suburbana) e na BA-528, também conhecida como Estrada do Derba.

As linhas que terão reforço na frota são aquelas que apresentaram maior aglomeração de passageiros nesse período de combate à pandemia. São elas: 1607 – Paripe x Barra; 1612 – Paripe x Rodoviária; 1614 – Mirante de Periperi x Itaigara; 1616 – Plataforma x Pituba; 1633 – Mirante de Periperi x Ondina; 1634 – Alto de Coutos x Pituba; 1637 – Mirantes de Periperi x Imbuí/Boca do Rio; e 1645 – Alto de Santa Terezinha/Rio Sena x Pituba.

Também será empregada frota reguladora em pontos especiais de partida de ônibus na Avenida Suburbana, sentido Centro, para facilitar o escoamento da demanda ao longo da via. Esses pontos estão localizados em Periperi, em frente à Rua da Glória; Itacaranha/Escada, em frente ao Posto BR; e em Plataforma, no Largo do Luso.

Além disso, serão implantados dois postos de captação de demanda e fiscalização do embarque de passageiros. Eles estarão situados na rotatória da subida para o Alto do Cabrito e no Lobato, em frente à antiga Cesta do Povo.

Proteção à vida
As ações de proteção à vida de rodoviários e passageiros envolvem a disponibilização de álcool em gel 70% na entrada de todos os ônibus para evitar a transmissão do novo coronavírus. Os cobradores serão responsáveis por garantir que todos higienizem as mãos antes de entrar no veículo.

Assim como já é realizado na fiscalização do uso das máscaras, técnicos da Semob vão fazer a medição da temperatura das pessoas em estações ou nos ônibus. Outra medida é a higienização e desinfecção rápida dos fins de linha, nos mesmos moldes do que já está sendo feito nos veículos.

Além das máscaras faciais, os cobradores e motoristas deverão usar protetores faciais, também chamados de face shields, a serem fornecidos pelas empresas de ônibus. Estes trabalhadores também deverão passar por testes rápidos, a serem feitos com regularidade.

“Continuamos a trabalhar para adotar todas as medidas necessárias no combate ao coronavírus. No entanto, o cidadão também precisa fazer a parte dele e seguir as recomendações, ou seja, estar no ônibus usando máscara, evitando se alimentar dentro do veículos e passar álcool em gel nas mãos sempre, por exemplo. Temos certeza que, assim, vai dar tudo certo”, disse ACM Neto.