Salvador

Polícia prende trio que fraudava bilhetes do transporte público em Salvador

Prisão em flagrante aconteceu no bairro do Comércio, quando tentavam vender cartões de gratuidade

Redação Correio 24h

Três pessoas foram presas por fraudar o sistema de gratuidade no transporte coletivo em Salvador. Joilda Nascimento Gomes, 53 anos, José Carlos Puridade da Silva, 54, e Isabel Cardoso de Araújo, 50, foram presos em flagrante na Praça Marechal Deodoro - conhecida como Praça da Mãozinha -, no bairro do Comércio, quando tentavam vender bilhetes, nesta quinta-feira (8).

(Foto: Divulgação/SSP)

“Investigamos diversos crimes com relação aos ônibus e estamos percebendo com frequência este tipo de golpe. Alertamos os passageiros para que não adquiram esses materiais ilícitos”, afirmou o delegado Nélis Araújo, do Grupo Especial de Repressão a Roubos de Coletivos (Gerrc), que fez a prisão. Eles foram autuados por estelionato e uso de documento falso. 

Três pessoas foram presas por fraudar o sistema de gratuidade no transporte coletivo em Salvador. Joilda Nascimento Gomes, 53 anos, José Carlos Puridade da Silva, 54, e Isabel Cardoso de Araújo, 50, foram presos em flagrante na Praça Marechal Deodoro - conhecida como Praça da Mãozinha -, no bairro do Comércio, quando tentavam vender bilhetes, nesta quinta-feira (8).

“Investigamos diversos crimes com relação aos ônibus e estamos percebendo com frequência este tipo de golpe. Alertamos os passageiros para que não adquiram esses materiais ilícitos”, afirmou o delegado Nélis Araújo, do Grupo Especial de Repressão a Roubos de Coletivos (Gerrc), que fez a prisão. Eles foram autuados por estelionato e uso de documento falso.