Salvador

Princípio de incêndio atinge um dos leitos do Hospital Espanhol; veja vídeo

O Hospital Espanhol foi reaberto para receber exclusivamente pacientes graves diagnosticados com o novo coronavírus

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )
- Atualizada em

O Hospital Espanhol, localizado na Barra, sofreu um princípio de incêndio no final da noite desta terça-feira (5) em um dos leitos. De acordo com o jornal Correio, o acidente foi causado por um paciente que teve um surto psicótico durante a noite. 

"Ele colocou fogo no colchão e fechou a porta com a cama. Depois ele se jogou da janela", explicou o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, em entrevista à TV Bahia. 

Segundo ainda o secretário, o paciente que não teve o nome revelado, não tinha histórico deste tipo de surto e a situação pode ser explicada pela baixa oxigenação do sangue.

O Corpo de Bombeiros informou que, como o paciente está infectado com o coronavírus, teve que aguardar por um resgate especializado. Ele fraturou o fêmur e continua internado na unidade de saúde. O fogo foi controlado ainda na noite da terça.

De acordo ainda com o Correio, nenhum outro apartamento foi atingido pelo fogo. Porém, 32 leitos foram, temporariamente, fechados no hospital. Durante a madrugada, 26 pacientes foram transferidos para outras unidades de saúde especializadas para coronavírus e outros seis foram removidos para outros leitos no próprio hospital.

Nesta quarta-feira (6), uma equipe do Corpo de Bombeiros vai fazer uma vistoria na estrutura do leito atingido pelo fogo.

O Hospital Espanhol estava fechado desde 2014 e foi reaberto no dia 22 de abril, para receber exclusivamente pacientes graves diagnosticados com o novo coronavírus. A unidade passou por obras de adequação e hoje conta com 220 leitos, sendo 80 leitos clínicos e 140 de UTI.

Veja vídeo: 

Confira nota do secretário Fábio Vilas-Boas:

"Na noite de ontem (5), por volta das 23h, houve um princípio de incêndio em uma das enfermarias do Hospital Espanhol, localizada no 4º andar. 

O Corpo de Bombeiros atendeu ao chamado, mas o fogo foi debelado, imediatamente, pela equipe técnica do próprio Hospital.

O incêndio foi provocado por um paciente desta enfermaria que ateou fogo no colchão do seu leito e pulou da janela. Caiu sobre uma laje de uma ala anexa e, na queda, fraturou as pernas. Sendo socorrido e transferido para o Hospital Municipal, pelo SAMU. Não houve mais ferido algum, no acidente.

Os pacientes internados que estavam no 4º andar, todos de enfermaria, já foram transferidos para outras unidades hospitalares para tratamento da COVID-19. São elas: Hospital Ernesto Simões, Hospital do Subúrbio, Instituto Couto Maia e Itaigara Memorial.

As demais áreas do Hospital Espanhol não tiveram seu funcionamento alterado. 

As medidas para reparo da enfermaria danificada já estão sendo tomadas, assim como a apuração sobre o ocorrido".