Salvador

Protesto de grupo de policiais deixa trânsito travado na Avenida Paralela

A mobilização tem como objetivo cobrar ao governo uma resposta para as reivindicações dos PM's grevistas

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Na tarde desta segunda-feira (14), um grupo de policiais realizaram uma carreata na Avenida Paralela. De acordo com informações da Superintendência Municipal de Trânsito (Transalvador) ao G1 Bahia, a mobilização deixou o trânsito congestionado no sentido centro. Eles saíram do Centro Administrativo da Bahia (CAB) e ficaram parados no meio da Avenida Paralela, sentido Rodoviária, travando o trânsito na região.

A mobilização tem como objetivo cobrar ao governo uma resposta para as reivindicações dos PM's grevistas (melhorias no Planserv, plano de carreira, reajuste do benefício da Condição Especial de Trabalho (CET), entre outros).

Em entrevista ao CORREIO*, o deputado Prisco, líder da manifestação, explicou que o objetivo do ato é mostrar força e o número de policiais que aderiram ao movimento. "Vamos para a rua pedir o apoio da população. É a nossa ideia. Então, será uma manifestação pacífica, tranquila", contou Prisco, enquanto os policiais gritavam palavras como "a PM parou".



O grupo passou em frente à Governadoria e à Assembleia Legislativa da Bahia com carros particulares, alguns tinham, inclusive, dizeres como "negocia, Rui". Depois da mobilização, eles ficarão reunidos na Adelba até a meia noite para decidir os rumos do movimento.

O tráfego de veículos na Avenida Paralela sentido centro continua congestionado.