Salvador

Quinze agentes de trânsito de Salvador foram agredidos em 4 meses

Categoria afirmou que, após a assembleia, por volta das 10h, seguirá em caminhada pelo Centro da cidade até a Câmara Municipal de Salvad

Redação Correio 24h
- Atualizada em

Os agentes de trânsito de Salvador se reúnem em assembleia nesta terça-feira (02),a partir das 8h, no pátio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) para discutir medidas que possam evitar agressões contra os agentes. Segundo a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astram), quinze agentes de trânsito já foram agredidos em Salvador neste ano. Em 2017, foram contabilizadas 40 agressões. 

Agentes estão no pátio da Transalvador em assembleia 
Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO 

“As ameaças verbais e pelas redes sociais são algo constante, só que as agressões físicas estão se tornando diárias e não podemos esperar o pior acontecer. Na sexta, uma motorista jogou tinta no rosto e no corpo de um agente de trânsito, no bairro de Nazaré; e na segunda, um condutor estacionado irregularmente numa vaga para idosos, agrediu com socos um agente de trânsito de 64 anos”, disse André Camilo, presidente da Astram.

A categoria afirmou que, após a assembleia, por volta das 10h, seguirá em caminhada pelo Centro da cidade até a Câmara Municipal de Salvador.  Entre as agressões contra agentes, duas ocorreram entre a última sexta-feira (27) e segunda-feira (30). Raílson Cruz,  64 anos, levou um soco na boca e pontapés de um motorista que foi multado, na segunda-feira, porque estacionou o carro irregularmente em uma vaga para deficientes dentro de um supermercado, na avenida ACM.

Já no caso da sexta-feira, o agente Roque Barbosa foi atingido com tinta jogada por uma motorista insatisfeita por ter sido multada. Roque ainda está com as marcas das queimaduras que sofreu por conta da tinta.