Salvador

Rodoviários decretam greve por tempo indeterminado a partir desta quarta

Frota mínima exigida pela Justiça irá rodar com 'catraca livre'

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Durante assembleia realizada na tarde desta terça-feira (22), o Sindicato dos Rodoviários deflagrou greve da categoria por tempo indeterminado a partir desta quarta-feira (23).

A categoria irá rodar com a frota mínima exigida pela Justiça (50% dos ônibus nos horários de pico e 30% nos demais horários), porém não será cobrada a passagem. "Se a deliberação for pela greve, temos que ter responsabilidade de fazer a greve acontecer. E o compromisso que faço aqui é de rodar catraca livre", afirmou Hélio Ferreira, presidente do sindicato, em entrevista ao Jornal Correio.

A decisão foi tomada pela categoria após rodadas de negociações sem acordos com o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador, intermediada pela Superintendência Regional do Trabalho (SRT).

Em virtude da greve de ônibus, a Prefeitura irá garantir a circulação de micro-ônibus e vans para atender a população. “Para este plano de contingência, estamos mobilizando vans, micro-ônibus e vendo até na região metropolitana veículos que possam reforçar o transporte da cidade”, pontuou ACM Neto, que vai detalhar toda a operação ainda hoje.