Salvador

Salvador terá testagem rápida para diagnóstico do coronavírus em 7 minutos

Em um primeiro momento, os trabalhadores de saúde rede pública que atuam na área de urgência e emergência e idosos acolhidos em abrigos na cidade serão submetidos aos testes

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em


Para ampliar de forma ágil a detecção de pessoas com o novo coronavírus em Salvador, a Prefeitura irá adquirir de forma imediata 100 mil testes rápidos para o diagnóstico da Covid-19 em até sete minutos. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) e o primeiro lote do insumo deve chegar na próxima semana.

Em um primeiro momento, os trabalhadores de saúde rede pública que atuam na área de urgência e emergência e idosos acolhidos em abrigos na cidade serão submetidos aos testes. Numa segunda etapa, os exames serão realizados através de uma parceria entre a Transalvador e a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), com a realização de blitze para aferição da temperatura das pessoas. Os indivíduos que estiverem com o quadro febril -  acima de 37,8 ºC – serão submetidos à testagem.

"Essa ação visa ampliar a quantidade de testes, que é fundamental nesse momento. Aqueles locais que ampliaram os testes conseguiram alcançar resultados melhores no enfrentamento ao coronavírus. O paciente recebe o resultado via mensagem de texto no celular. Em caso positivo, a pessoa será orientada a iniciar o isolamento domiciliar de imediato e um novo exame de contraprova será realizado no Laboratório Central", explicou o prefeito ACM Neto.


“A realização da testagem rápida permitirá a identificação de pessoas infectadas pelo vírus e o encaminhamento imediato desse paciente ao isolamento social. Países como Coréia do Sul e Cingapura que adotaram essa estratégia tiveram resultados muito bons. Nossa expectativa com a medida é achatar ainda mais a curva epidemiológica na cidade”, acrescentou Leo Prates, secretário municipal da Saúde