Salvador

Shoppings de Salvador não abrem neste sábado após decisão judicial

Pedido de sindicato foi acatado; comércio de rua também fecha no feriado e domingo

Carol Aquino, do Correio 24h
Uma decisão liminar da 18ª Vara da Justiça de Trabalho de Salvador proibiu o funcionamento de shoppings e do comércio de rua na capital baiana neste sábado (21), feriado nacional de Tiradentes, e no domingo.
A decisão de caráter provisório (ou seja, que ainda pode ser revertida) foi tomada no início da tarde desta sexta-feira (20) pela juíza Irailce Figueroa acatando um pedido de Sindicato dos Comerciários. 
O presidente do Sindicomerciários, Jadelson Dourado, afirmou ao CORREIO que a ação foi impetrada devido à falta de um acordo quanto à convenção coletiva entre o sindicato e a entidade que representa os donos dos estabelecimentos, o Sindilojas.
A última convenção vigente venceu em 28 de fevereiro de 2018 e até agora outro acordo não foi firmado. A reportagem ainda não conseguiu contato com o Sindilojas. 
Entre outras coisas, a convenção regula o funcionamento do comércio aos domingos e feriados. De acordo com a legislação trabalhista, é proibido o funcionamento de atividades não essenciais nos domingos e feriados.
Ainda conforme a decisão, até a assinatura de convenção coletiva, está proibido o funcionamento do comércio nessas datas, sob pena de pagar multa de R$ 1 mil para cada empregado que for obrigado a trabalhar.