Salvador

Transporte de Salvador terá operação reduzida a partir deste sábado (26)

Frota será de 50% nos horários de pico e 40% nos outros períodos durante o sábado

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

 A distribuição de combustíveis está prejudicada em todo território nacional, por causa da greve dos caminhoneiros, que foi deflagrada na última segunda-feira (21). Em consequência disso, o transporte público de Salvador sofrerá redução na operação da frota de ônibus a partir deste sábado (26).

Essa medida foi adotada, em caráter excepcional, pela Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) para garantir transporte à população nos próximos dias, prevendo a possibilidade de continuação da greve.

 A frota da capital baiana, composta por 2,6 mil ônibus, será de 50% nos horários de pico e 40% nos outros períodos durante o próximo sábado. No domingo, a operação será realizada durante o dia com 30% da frota. Na segunda e terça, a operação terá 80% da frota nos horários de pico e 40% nos demais. A Semob informa ainda que, tão logo a greve dos caminhoneiros termine e o abastecimento de combustível volte à normalidade, todos os ônibus voltarão a circular normalmente.