Salvador

Uso de máscaras em ônibus de Salvador será obrigatório a partir desta quinta-feira (23)

A medida tem como finalidade a proteção individual e coletiva contra o coronavírus

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Começa a valer a partir desta quinta-feira (23) o uso obrigatório de máscaras para quem andar de ônibus ou dirigir carros particulares em Salvador (BA). De acordo com o site Correio, a medida foi uma determinação da prefeitura para ajudar no combate ao novo coronavírus. 

A medida é educativa, sem multa para quem desrespeitar a regra. Porém, a prefeitura garante, que o acesso aos transportes serão fiscalizados e quem não estiver usando a máscara não poderá entrar nos ônibus. 

Segundo ainda o Correio, fiscais da Secretaria de Mobilidade (Semob) e funcionários da Guarda Civil Municipal estarão nas principais estações de metrô fazendo fiscalização. Além disso, os ônibus terão fiscais para "detectar o eventual descumprimento dessa norma". 

Foi determinado também, que os rodoviários poderão impedir que os passageiros entrem nos ônibus se estiverem sem máscaras. "O cobrador e motorista terão o direito de dizer que a pessoa não pode fazer a viagem e os fiscais podem retirar o cidadão", disse ACM Neto.

Além disso, a partir desta quinta (23) até o próximo domingo (26), a Secretaria de Mobilidade (Semob) fará uma campanha de conscientização para orientar a população sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras nos ônibus. Os funcionários ficarão nas estações da Lapa, Pirajá, Acesso Norte, Mussurunga e também em 80 pontos de ônibus onde a possui muitos passageiros.  

A medida tem como finalidade a proteção individual e coletiva contra o coronavírus, visando controlar a curva de crescimento da doença e prevenir um colapso do sistema público de saúde. O uso da máscara é recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).