Salvador

Veja quais são as praias impróprias para banho em Salvador e RMS

Das 34 praias avaliadas pelo Inema na Região Metropolitana de Salvador (RMS), 9 estão impróprias para banho

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em
O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema) divulgou nesta sexta-feira (14) um balanço que aponta que, das 34 praias avaliadas pelo órgão na Região Metropolitana de Salvador (RMS), 9 estão impróprias para banho.

Segundo a resolução Conama, a praia é considerada imprópria quando mais de 20% das amostras coletadas em cinco semanas consecutivas, apresentar resultado superior a 1.000 coliformes fecais ou 800 Escherichia coli, ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2500 coliformes termotolerantes ou 2000 Escherichia coli ou 400 enterococos por 100 mL de água, de acordo com o Inema.

No período em que o tempo estiver chuvoso, as praias podem ser contaminadas por arraste de detritos diversos, carregados das ruas através das galerias pluviais, podendo causar doenças. Além disso, é desaconselhável, ainda em dias de sol, o banho próximo à saída de esgotos, desembocadura dos rios urbanos, córregos e canais de drenagem, ainda segundo o Inema.

Confira as praias impróprias para o banho:
Cabuçu (em frente às barracas da Rua do Porto)
Itapema (em frente à Vivenda das Rosas)
Conceição de Salinas (Em frente à rampa de acesso a praia)
Cações (Próximo a Igreja Nossa Sra Coração de Jesus)
Conceição (Em frente à igreja Nossa Senhora da Conceição)
Barra do Pote (em frente à Barraca Valeiro)
Mar Grande (em frente à Praça Principal)
Amoreiras (em frente à Pousada Amoreiras, próximo ao Píer)
Gameleira (em frente a Cruz de Gameleira).

Nas demais praias da Região Metropolitana, as condições são normais. O Inema lembra que deve-se evitar o banho de mar em tempo chuvoso.