Salvador

Velório de Waldir Pires será realizado no Mosteiro de São Bento neste sábado

Ele deu entrada no Hospital da Bahia na noite desta quinta-feira (21) com quadro de pneumonia

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O corpo do ex-governador Waldir Pires será velado a partir das 09h, no Mosteiro de São Bento. O político faleceu na manhã desta sexta-feira (22), vítima de uma parada cardiorrespiratória. No mesmo local, às 16h, será realizada uma missa em homenagem a Waldir, que também foi ministro, vereador e deputado estadual. As informações são do Jornal Correio.

Foto: Divulgação
O corpo do ex-governador será cremado no cemitério Jardim da Saudade neste domingo (24), às 11h.

Ele deu entrada no Hospital da Bahia na noite desta quinta-feira (21) com quadro de pneumonia. "O paciente teve parada cardiorrespiratória, não respondendo às manobras de reanimação e veio a óbito", informou o hospital, em nota.

Waldir Pires nasceu em Acajutiba, na Bahia, e foi governador da Bahia entre 15 de março de 1987 e 14 de maio de 1989. Foi deputado federal em dois períodos: de 1 de janeiro de 1990 até 1 de janeiro de 1994 e de 1 de janeiro de 1999 até 1 de janeiro de 2003.

Entre 31 de março de 2006 e  25 de junho de 2007 foi Ministro da Defesa. Seu último cargo público foi como vereador de Salvador entre 1 de fevereiro de 2013 até 31 de dezembro de 2016.

Na última quinta-feira (14), amigos, e familiares se encontraram no Palácio Rio Branco, para o lançamento do livro Waldir Pires –  Biografia  (vol.1), de autoria do jornalista e escritor Emiliano José, amigo do político há 40 anos, que completaria 92 anos em outubro.

O livro refaz a trajetória do político, de 1926, quando Francisco Waldir Pires de Sousa nasceu, na localidade de Cajueiro – mais tarde Acajutiba (BA), filho de José Pires de Sousa e de Lucíola Figueiredo Pires de Sousa, até o ano de 1978, quando Waldir retoma os seus direitos políticos após o fim do Ato Institucional nº.5 (AI-5).

O primeiro volume da biografia destaca a formação intelectual e acadêmica de Waldir, que viveu a infância e adolescência na cidade de Amargosa, onde estudou as primeiras séries. Fez o ginásio no Clemente Caldas, em Nazaré das Farinhas, e o Clássico, no Colégio Central, em Salvador.