Motociclistas interditam pista e provocam lentidão na avenida Paralela


O tráfego pela avenida Paralela deve ser evitado no início da noite desta quarta-feira (8). Um grupo de motociclistas interditou a pista, no sentido centro, e deixa o trânsito lento. Segundo a Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador), eles se concentraram na altura do posto 2.

 A via já foi liberada pelo grupo, mas os motoristas ainda enfrentam lentidão na Paralela. O órgão municipal não soube informar sobre o que se tratava a ação ou se o ato tem relação com a greve parcial de PMs.

Os acessos ao Centro Administrativo da Bahia (CAB) continuam bloqueados na tarde desta quarta-feira (8). O efetivo de 1.038 policiais (PM, Força Nacional e Exército) mantém a segurança no local, que só pode ser acessado por profissionais de imprensa devidamente identificados.

Desde a manhã de hoje, a entrada de pessoas com comida e medicamentos está proibida. O porta-voz do comando da VI Região Militar, tenente-coronel Márcio Cunha, informou que o comando de operações tem condições plenas de atender qualquer manifestante com necessidade de atendimento médico do lado de fora da Assembleia Legislativa.

Há uma ambulância UTI posicionada e os grevistas que saírem da Assembleia poderão se alimentar e ser medicados, mas não poderão retornar ao prédio.