Saúde

Ar condicionado: Falta de manutenção pode causar problemas de saúde

Veja como fazer a limpeza do aparelho; falta de manutenção pode levar à perda de garantia do equipamento

Victor Lahiri, do Correio 24h
Foi-se o tempo em que um aparelho de ar condicionado era artigo de luxo. Cada vez mais presente nos lares e escritórios, o condicionador de ar se tornou um aliado na luta dos soteropolitanos contra as altas temperaturas da cidade. O conforto térmico, porém, está ligado a cuidados que devem ser tomados para evitar problemas de saúde ligados ao sistema respiratório. 
Foto: Reprodução/ Evandro Veiga
O ar condicionado funciona de forma parecida com a geladeira: após um processo que envolve a mistura do ar externo com um produto formado por cloro, flúor e carbono, o ar do cômodo interno para no qual o aparelho está instalado se torna refrigerado e perde umidade. O principal perigo no processo, segundo especialistas, é o acúmulo de sujeira na estrutura do aparelho, podendo causar sérias reações alérgicas.
De acordo com a presidente da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia - Regional Bahia (ASBAI-BA) Maria Cecília Freitas de Almeida, sinusite, rinite, amidalite, faringite, bronquite e até otite e anemia estão na lista de quadros que podem ser provocados ou agravados em função da poluição provocada pela sujeita no ar condicionado. “Normalmente a pessoa que está exposta por muito tempo ao aparelho sem a devida manutenção pode apresentar inicialmente coriza e espirros, mas o quadro pode evoluir para cenários mais graves, principalmente se ela tiver tendência a alergias respiratórias”, diz. 
"A pessoa que está exposta por muito tempo ao aparelho sem a devida manutenção pode apresentar inicialmente coriza e espirros, mas o quadro pode evoluir para cenários mais graves" - Maria Freitas, Alergologista.
Ambientes com cortinas de tecido, carpetes e tapetes, segundo a alergologista, estão na lista de locais nos quais a atenção deve ser redobrada, pois a concentração dos ácaros em ambiente fechado tende a complicar ainda mais a propensão a doenças respiratórias. “Mesmo com o conforto do ar condicionado, indico que as pessoas abram as janelas e portas para arejar o ambiente, regularmente”.
Limpeza
O diretor da Centraltec, empresa especializada em manutenção de aparelhos de ar condicionados, Edson de Souza, explica que além dos prejuízos à saúde, a falta de cuidados pode encurtar a vida útil do equipamento. “O principal problema é que o uso constante do equipamento acaba causando um acúmulo grande de sujeira na unidade interna, isso pode acabar obstruindo a passagem de ar e danificar componentes do aparelho”. 
Foto: Reprodução/ Evandro Veiga
Especialistas apontam que a manutenção preventiva (limpeza dos filtros do aparelho) deve ser realizada mensalmente, e pode ser feita pelo proprietário, em casa. “Basta abrir o painel dianteiro, retirar as telas do filtro e lavar com água, mas evite usar produtos de limpeza doméstica. O evaporador pode ser limpo com uma vassourinha”, ensina. 
A limpeza interna do equipamento, por sua vez, deve ser feita por profissionais qualificados, pois exige maiores cuidados. “Nesse caso desmontamos a unidade interna e lavamos toda a estrutura para eliminar ácaros, fungos e bactérias, e utilizamos um produto higienizador para garantir a qualidade do serviço”. A falta de manutenção, segundo Edson, pode levar à perda dos direitos de garantia do aparelho, conforme descrito nos manuais dos equipamentos. 
Passo a Passo do Ar Condicionado Limpo
1 Tire o aparelho da tomada
2 Remova o painel frontal e limpe-o com um pano macio e seco. Caso esteja muito sujo, molhe o pano com água morna
3 Retire o filtro do aparelho com cuidado e lave a peça em água corrente (fria ou morna)
4 Use sabão neutro e bucha para completar a lavagem
5 Deixe o filtro secar naturalmente ou utilize outro pano macio.