Saúde

Clássico saudável: saiba como inovar na farofa e deixá-la mais leve e saborosa

Uso de sementes, grão-de-bico e brócolis estão entre as sugestões

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Prato fortemente presente na culinária brasileira, a farofa é geralmente feita com manteiga, bacon, linguiça e, por isso, acaba acumulando muita gordura. Ainda assim, é possível criar versões mais leves e saudáveis e saboreá-las sem muitos riscos à saúde. As informações são do site Conquiste Sua Vida. 

Foto: Reprodução

Para ajudar a preparar formas incrementadas desse prato tradicional, o site separou cinco dicas que auxiliam nessa tarefa. Confira abaixo: 

- Cenoura e salsa
Segundo o Conquiste Sua Vida, uma boa dica para incrementar a farofa é adicionar cenoura ralada e também salsinha - dois ingredientes que acrescentam sabor e tornam o prato mais nutritivo. Vale destacar que, em vez de usar a farinha de trigo normal, você também pode usar farelo de aveia no preparo da farofa. Esse ingrediente é mais rico em fibras, vitaminas do complexo B e minerais, como cálcio e ferro.

Para preparar essa farofa, é preciso começar fritando o alho, a cebola e a cenoura ralada. Depois, adicione a farinha de aveia, coloque um pouco de sal, pimenta e a salsa, para dar um toque de sabor especial. 

Brócolis
Muitas pessoas já experimentaram (ou ao menos ouviram falar) no arroz de brócolis, que é feito basicamente com arroz branco, alho, sal e brócolis picados, e que dão um tom de verde ao prato e acrescentam sabor. Mas, para além do arroz, também é possível preparar uma farofa de brócolis.

Para começar, você deve cozinhar o brócolis a vapor (para que o vegetal não perca muitos nutrientes) e, depois, cortá-lo em pedaços bem pequenos. Depois, é preciso fritar o brócolis no azeite com o alho acrescentar a farinha aos poucos. 

Sementes e oleaginosas 
As sementes e oleaginosas também são ótimas aliadas nesse caso e podem render receitas deliciosas. Para quem quer inovar no preparo da farofa, a dica do Conquiste Sua Vida é investir em uma versão com diferentes sementes e oleaginosas. É possível utilizar castanhas de caju, amêndoas, sementes de girassol, linhaça e granola salgada, por exemplo.

Tanto as oleaginosas quanto as sementes são fontes importantes de fibras, ômega 3, minerais como cálcio, potássio e magnésio. Por isso, elas são ótimas opções para incrementar a farofa no dia a dia. Outra dica interessante é usar farinhas alternativas para esse preparo, como a de amêndoas e a de coco, que tornam a farofa bem mais nutritiva.

- Grão-de-bico, ervilha e lentilha
Outra dica para inovar no preparo da farofa é usar grão-de-bico, ervilha e lentilha - alimentos altamente nutritivos, fontes de vitaminas do complexo B e minerais, como ferro, potássio e magnésio.

No entanto, esse tipo de farofa acaba sendo um pouco mais difícil de fazer, pois é preciso cozinhar os grãos separadamente para, depois, juntar e formar a farofa. É indicado também caprichar nos temperos e condimentos básicos, como pimenta, alho, cebola e até mesmo cheiro-verde, que dá um toque de sabor diferenciado. 

- Ovos
A farofa de ovo é outra opção clássica. A nossa dica para incrementar essa receita é adicionar hortaliças (como salsinha e cebolinha) e pimentas para dar um toque diferenciado.