Saúde

Confira seis dicas para incentivar a alimentação saudável as crianças

Convidar as crianças para participar do preparo de alimentos e criar novas receitas incluindo ingredientes que elas gostam

Redação Dino

Quem tem criança por perto sabe: qualquer alimento que um adulto leva à boca não passa despercebido pelos pequenos. Por isso, os hábitos de gente grande têm tanta influência na maneira como as crianças desenvolvem o paladar.

"Assim como adultos, crianças precisam de uma alimentação saudável e diversificada que é aprendida nos primeiros anos de vida", diz Tayse Correia, nutricionista. Com isso, as escolhas dos adultos são as principais referências para incentivar a alimentação equilibrada de crianças desde cedo. Confira a seguir seis dicas da nutricionista:

Foto: Reprodução

1. Realizar refeições à mesa e explicar a importância de cada alimento de uma forma leve durante as refeições.

2. Convidar as crianças para participar do preparo de alimentos e criar novas receitas incluindo ingredientes que elas gostam.

3. Garantir que os pratos e as lancheiras tenham uma combinação dos 3 macronutrientes: carboidratos, proteínas e gorduras; incluir vegetais, frutas, raízes, carnes, ovos, grãos e azeite de oliva.

4. Estimular o paladar com o sabor natural dos alimentos. Se for necessário adoçar, usar frutas secas ou mel desde que não tenham nenhuma doença metabólica como diabetes ou obesidade.

5. Distribuir as refeições ao longo do dia, incentivando o consumo de lanches no meio da manhã e da tarde para equilibrar o apetite, e evitar exageros.

6. Ficar atento à lista de ingredientes dos alimentos embalados; boas opções de lanches são chips de vegetais e grãos assados, frutas desidratadas, biscoitos de arroz integral e fruta picada por exemplo.