Saúde

'O amassadinho que faz bem': conheça os benefícios do tomate seco

Ele pode ser usado como acompanhamento nos pratos, em risotos, saladas e, até mesmo, pizzas

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Gosta de cozinhar? Busca sempre um elemento extra de acompanhamento dos seus pratos? Se respondeu sim para um das perguntas, saiba que o tomate seco pode ser um grande aliado. Ele pode ser usado como acompanhamento nos pratos, em risotos, saladas e, até mesmo, pizzas. Além disso, o tomate seco é rico em nutrientes, que atuam no bom funcionamento do organismo. 

O tomante seco é fonte de licopeno, uma substância antioxidante, que auxilia na proteção contra os radicais livres. Ele também é rico em potássio e substâncias anticancerígena e anti-inflamatória.

Em entrevista ao portal Taeq, a nutricionista Luciana Fiorese, garantiu que existem poucas diferenças entre o tomate fresco e o seco. "Os benefícios comparados ao tomate fresco, é que em sua composição há quase o dobro de vitamina A, o triplo de licopeno, seis vezes mais potássio e sete vezes mais magnésio. Além disso, o tomate seco é fonte de vitaminas C, B, E, ácido fólico, zinco e fósforo". 

O portal preparou uma lista com os benefícios de consumir tomate seco para a saúde. Confira: 


1- Saúde dos olhos: com grande quantidade de vitamina A, o consumo de tomates secos ajudam a reduzir o risco da degeneração macular.

2- Retarda o envelhecimento: mantém a pele jovem devido a proteção da vitamina A e o licopeno que atua como um filtro solar natural.

3- Controla a pressão: por ser rico em potássio, o tomate está na lista dos alimentos que ajudam a manter a pressão arterial estável. "Deve ser consumido com moderação pela elevada quantidade de sódio ou preparar artesanalmente o tomate seco para se ter certeza da quantidade.", ressalta Luciana.

4- Ajuda na saúde dos ossos: a união do potássio com o licopeno auxilia na manutenção do ossos, prevenindo a osteoporose.

5- Previne o câncer: fonte de antioxidantes e fitonutrientes, o tomate seco é um poderoso aliado na prevenção da doença. O alimento reduz consideravelmente o processo de desenvolvimento das células cancerígenas.