Transformação Digital

Uso do analytics pode gerar aumento de até 15% na receita das empresas

Empresas que conseguem fazer uma análise mais eficiente dessas informações as utilizam para se manterem mais competitivas no mercado

Especial de Conteúdo

As tecnologias disruptivas estão ganhando o mundo e invadindo a área de negócios, saúde, educação, dentre outros tantos segmentos. Esse avanço, juntamente com o maior destaque da transformação digital, tem possibilitado um aumento significativo no número de dados gerados pelas empresas.

Quando as empresas não conseguem analisar de maneira eficiente a grande quantidade de dados disponíveis, elas podem ver seus processos estagnados e isso, de alguma maneira, acaba influenciando em uma queda nas vendas. Assim, as empresas que conseguem fazer uma análise mais eficiente dessas informações as utilizam para se manterem mais competitivas no mercado. Uma forma de analisar esses dados e tirar proveito deles é através do analytics. 


O analytics é um campo onde são utilizadas a matemática, a estatística, a modelagem preditiva e técnicas de machine learning para identificar padrões que sejam de interesse para o seu negócio, auxiliando na tomada de decisões e no planejamento de vendas. Com o desenvolvimento das novas tecnologias, as empresas contam com softwares cada vez mais avançados para armazenar informações e executar algoritmos sofisticados.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Forbes Insigth, dois terços das 1,5 mil companhias entrevistadas tiveram um lucro superior a 15% nas receitas graças ao uso de analytics no desenvolvimento de estratégias de negócios. Isso apenas no ano de 2016. Nesse tempo, muitas empresas passaram a investir no uso do analytics para facilitar a tomada de decisões.

Valorização
E as empresas finalmente estão começando a entender o valor do analytics. Segundo um estudo global divulgado pela SAS, mais de 70% das organizações já possuem insights relevantes a partir de seus dados e 60% das empresas afirmam que utilizaram ferramentas analíticas para tomar decisões inovadoras em seus negócios.

Chamada de “Here and now: the need for an Analytics plataform” (Aqui e agora: a necessidade de uma plataforma analítica, em português), a pesquisa ouviu profissionais de TI, de negócios e especialistas em Analytics em todo o mundo.

Apesar de confirmarem a importância e o valor da ferramenta no sucesso de decisões e estratégias, apenas 40% dos entrevistados colocaram o Analytics como uma ferramenta fundamental no negócio, enquanto 35% afirmou utilizar a plataforma apenas em alguns de seus projetos.

Tecnologia vantajosa
Mas por que o uso do Analytics gera esse benefício para empresas, tanto na inovação quanto na tomada de decisões? A resposta é bastante simples: ele permite traçar o perfil do cliente, definir o público-alvo e transformar as informações em conhecimento. Outra vantagem dessa tecnologia é que ela auxilia na geração de receita, redução de custos e retenção dos melhores clientes.

Ao adotar a ferramenta, as empresas conseguem quantificar os valores que a norteiam e traduzir isso em resultados. Desse modo, um dos usos do Analytics é interpretar os dados para operacionalizar processos e garantir que eles estejam alinhados com os valores da empresa.

Com o surgimento de novas tecnologias, as equipes precisam desenvolver uma maior agilidade para que a empresa não seja deixada para trás pela concorrência. Com o Analytics, o processo de tomada de decisões pode ser mais assertivo e feito em menos tempo, graças as informações obtidas através dos dados disponíveis. E isso permite que não apenas os gestores, mas todos da equipe estejam aptos a tomar decisões informadas – uma das características que a transformação digital vem realizando nas relações de trabalho dentro das empresas.

Em relação ao setor de vendas, as vantagens resultam em um aumento da receita por razões simples. Houve uma mudança na relação das empresas com os seus clientes, do mesmo modo que os clientes mudaram o seu comportamento em busca da empresa ideal para os seus anseios. E é aí que entra o Analytics. A ferramenta permite uma elaboração sólida de previsões de vendas, além de possibilitar a detecção das próximas tendências do mercado ao fazer uma análise sobre o desempenho das vendas.

Estratégia
Claro que para obter todas essas vantagens os negócios precisam ter certos cuidados. Um dos mais importantes é que os CIOs preparem toda a equipe para a tecnologia através de uma adaptação da cultura organizacional. “O engajamento só começa quando há um sentimento de pertencimento. A companhia precisa entender que os colaboradores são os principais ativos, criando uma política que incentive a cultura de dados e transforme a organização em um local agradável para trabalhar e voltado à inovação”, explica o consultor Cezar Taurion, sócio e head de transformação digital da Kick Ventures.

Além disso, assim como qualquer estratégia, é preciso haver um objetivo definido antes de adotar o uso dessa tecnologia, saber o que se deseja atingir ao adotar o Analytics. As empresas precisam ainda de clareza sobre o uso prático da ferramenta para, desse modo, conseguir transmitir as orientações para os membros de sua equipe.

Outra estratégia que deve ser adotada para evitar erros é apostar em feedbacks contínuos e permitir que a equipe toda acompanhe o desenvolvimento dos processos, o que pode ser feito por meio de painéis com indicadores e reuniões para discutir métricas.