Festival de Verão

O Rappa faz último show em Salvador no Festival de Verão

O grupo carioca se apresenta sábado (16), na Arena Fonte Nova, em clima de despedida

Naiana Ribeiro, do Correio 24 Horas (naiana.ribeiro@redebahia.com.br)

Nos 18 anos do Festival de Verão, O Rappa teve participação em 12 edições. A banda é uma das atrações que mais participaram do evento, que chega ao seu 19º ano. O grupo carioca vai subir ao palco do  FV 17 sábado (16), na Arena Fonte Nova, em clima de despedida com o trabalho Marco Zero. É que este será o último show da banda em Salvador - eles farão uma pausa na carreira, sem previsão de volta, em fevereiro.


A história envolvendo O Rappa e o Festival de Verão é antiga. Começou em 2000. Na época, o grupo divulgava o álbum Lado B Lado A, lançado em 1999, com músicas como Minha Alma (A paz que eu não quero), O Que Sobrou do Céu e Me Deixa. Nos anos seguintes, a banda - que mescla reggae e rock - fez várias apresentações e lotou o espaço do palco principal do evento. Em 2001, O Rappa fez um show histórico, após sofrer retaliação e ser retirado da grade do Rock in Rio do mesmo ano. Em apoio, outras cinco bandas brasileiras deixaram o evento nacional e se apresentaram no Festival de Salvador. Foram elas: Skank, O Rappa, Jota Quest, Cidade Negra, Raimundos e Charlie Brown Jr.

Três anos depois, o grupo fez uma homenagem ao Ilê Aiyê, interpretando o clássico Que Bloco é Esse?, levando o público ao delírio. No ano passado, o vocalista Marcelo Falcão surpreendeu o público ao levar Igor Kannário ao palco do evento, que pela primeira vez foi realizado na Arena Fonte Nova.

O convidado chegou a ser vaiado por uma parte do público e o vocalista da banda, então, deu seu recado sobre preconceito. “Eu sou negro, e como cantor negro, eu não posso ser preconceituoso. O Rappa não é assim”, afirmou na ocasião, sendo aplaudido pelos fãs.

Em maio deste ano, a banda - que já havia interrompido as atividades entre 2009 e 2011 - anunciou que irá fazer uma pausa na carreira. Os artistas ainda vão fazer shows até fevereiro de 2018. “Chegou a hora de dizer que vamos parar e, desta vez, sem previsão de volta. (...) O nosso muito obrigado a cada um de vocês pelo carinho e dedicação de sempre“, diz texto divulgado na página da banda no Facebook. O grupo é formado por Marcelo Falcão (vocal), Xandão (guitarra), Lauro (baixo) e Marcelo Lobato (teclados). O baterista e letrista original, Marcelo Yuka, deixou a banda em 2001.

Serviço

Local:  Arena Fonte Nova (Ladeira da Fonte, Nazaré)

Horário:  A partir de 15h45 (abertura dos portões às 14h)

Ingresso:  Espaço Mix: R$ 204 | R$ 102; Espaço Vibe: R$ 230; Lounge Fly (open bar): R$ 430 (masculino) R$ 380 (feminino). Passaporte (dois dias) - Espaço Mix: R$ 320 | R$ 160; Espaço Vibe: R$ 396; Lounge Fly (open bar): R$ 690 (masculino) R$ 610

Ponto de Vendas:  Salvador Shopping, Shoppings

Paralela, Salvador Norte, da Bahia, Bela Vista, Piedade, Center Lapa, Barra e Estrada do Coco. Também através dos sites www.fv17.com.br e www.eventim.com.br

Classificação etária: 14 anos para os setores Espaço Mix e Espaço Vibe, e 18 anos para o setor Lounge Fly